Phantasy Star Series 25th Anniversary: o dia em que a fantasia foi escrita com “ph”


Por Alexei Barros

Em dezembro de 2012, Final Fantasy completou 25 anos de existência. De 2002 para cá, houve pelo menos um concerto a cada dois anos dedicado à série. Também em dezembro de 2012, Phantasy Star celebrou o aniversário de 25 anos. Apresentações musicais até então? Nenhuma. Se colocarmos as duas séries em uma balança, fica difícil de comparar por pesos-pesados como Square e Nobuo Uematsu, mas enfim a Sega se mexeu e encerrou a espera no dia 30 de março, dois dias depois muitos fãs não acreditariam e achariam uma mentira – como eu demorei para fazer o post. Nesse dia, aconteceu o Phantasy Star Series 25th Anniversary.

Foram duas apresentações no Hibiya Kokaido em Tóquio, Japão, com a performance da Tokyo Philharmonic Orchestra regida por Masamichi Amano. Pelas fotos, achei a arquitetura do Hibiya Kokaido, que possui 2000 assentos, extremamente humilde e simples. Em contrapartida, um gigantesco telão com as imagens dos jogos da série tratou de melhorar a aparência no quesito show.

Agora, vamos ao que interessa: o set list. O que vinha causando mais apreensão nos fãs da série é o quanto da tetralogia inicial tomaria do programa. Fazendo uma rápida observação, a estima que os brasileiros têm hoje pelo Master System não equivale no Japão, onde o console equivalente Sega Mark III foi pulverizado pela liderança avassaladora do Famicom (o NES por aqui). Sendo assim, já considero uma vitória saber que melodias do primeiro Phantasy Star apareceram no “Phantasy Star Medley for Sympathy 2013”. De resto, foi um festival de músicas da vertente Phantasy Star Online que guarda sim boas composições, mas sem o mesmo impacto nostálgico evidentemente.

Para quebrar um pouco dessa erudição sinfônica, alguns números foram tocados sem orquestra, apenas por uma banda (pelas fotos, não me pareceram ser os integrantes da [H.]) formada por baixo, guitarra e keytar tocada pelo Hideaki Kobayashi, o compositor do Phantasy Star Online. Nos vocais, a cantora Annette Marie Cotrill, que participou de episódios recentes, e o carismático e imbatível Takenobu Mitsuyoshi. Ele ainda se deu ao direito de interpretar a “Burning Hearts ~Angel~” com essa formação de instrumentos – poxa vida, todo tema estilo tokusatsu que se preze deveria ter um naipe de metais acompanhando.

Aliás, o que Burning Rangers tem a ver com Phantasy Star? Nad… opa, ambos têm a participação de Yuji Naka. Mesmo há anos não trabalhando mais na Sega, o YU2 subiu ao palco. No sentido de homenagear figuras históricas, o concerto foi muito especial. Eu tenho a impressão que por algum motivo, a criadora Rieko Kodama não esteve por lá, mas a apresentação contou com as milagrosas e raríssimas aparições dos compositores veteranos Tokuhiko “Bo” Uwabo (Phantasy Star I e II) e Izuho “Ippo” Numata (Phantasy Star III) – foto acima. Depois de muito tempo longe dos holofotes, o Bo deu as caras no Facebook, ajudando a minimizar o mistério que havia em torno dele. Mas o caso da Ippo foi mais sério. Por muito tempo, houve quem acreditasse que esse era apenas um pseudônimo do Ippo Yamada, compositor de jogos recentes do Mega Man. Isso mesmo: nem se sabia se era “ele” ou “ela” ou se a pessoa existia mesmo. É a primeira foto que vejo dela.

Quando chego nesse trecho do texto, geralmente digo “agora é hora de aguardar pelo CD”, “não espere pelo CD”… A boa notícia é que a gravação do concerto já foi anunciada em CD, com lançamento marcado para setembro de 2013. Não chegou a ser anunciado um DVD, mas o Jorge, amigo do Orakio “O Gagá” Rob que mora no Japão e afortunadamente assistiu ao concerto, disse que viu câmeras e avisos de que o público poderia aparecer no vídeo. Então ainda há uma esperança.


Abaixo, o set list. Ficarei devendo os links para as faixas originais. Por desconhecer as trilhas, ficou difícil identificar as músicas.
01 – Fanfare
02 – Phantasy Star Medley for Sympathy 2013
03 – Phantasy Star Online OPENING THEME ~The whole new world~
04 – Can still see the light ~Phantasy Star Online ENDING THEME~
05 – “IDOLA” have the immortal feather & the divine blade Medley
06 – World with me ~Phantasy Star Online EPISODE2 ENDING THEME~
07 – “LET THE WINDS BLOW” – Theme of Phantasy Star Online Episode III-
08 – Underworld -equilibrium-
09 – Phantasy Star Zero
10 – たいせつなもの
11 – Save This World – Orchestra Version –
12 – Save This World – νMIX – (Hideaki Kobayashi com
Annette Marie Cotrill)
13 – Living Universe (Hideaki Kobayashi com
Annette Marie Cotrill)
14 – Go Infinity (Hideaki Kobayashi com
Takenobu Mitsuyoshi)
15 – Burning Hearts (Hideaki Kobayashi com
Takenobu Mitsuyoshi)
16 – Ignite Infinity (Hideaki Kobayashi com
Annette Marie Cotrill)
17 – Title – PSO2 –
18 – Stage Medley – PSO2 –
19 – Dark Ragne
20 – Big Varder & Quartz Dragon Medley
21 – Falz Arm & Dark Falz Elder Medley
22 – For Brighter Day – Orchestra Version –

Números 1 a 11, 17 a 22 tiveram a performance da Tokyo Philharmonic Orchestra com regência do Masamichi Amano.

Peço desculpas pela incrível demora não só ao Gagá, que me passou algumas informações aqui compartilhadas, como outros fãs desta série muito estimada que conheço, infelizmente, só de nome.

[via Game Watch, 4Gamer.net e Famitsu]

9 Responses to “Phantasy Star Series 25th Anniversary: o dia em que a fantasia foi escrita com “ph””


  1. 1 Orakio "O Gagá" Rob 02/06/2013 às 10:07 am

    Que isso, rapaz, não precisa pedir desculpas! Você está é nos fazendo um favor reunindo todas essas informações!

    Fiquei bem decepcionado quando vi que as faixas clássicas se restringiam a um medley… mas paciência, pelo menos vimos a Ippo! E embora isso não alivie muito a dor do retrogamer, o fato é que as trilhas dos jogos da série Online são excelentes. Só não sei se a orquestração acrescentou muito a elas, visto que o climão espacial dos teclados nas composições originais me parece essencial para o sucesso da trilha… mas aguardemos o CD.

    Valeu aí pelo post, Alexei! Abração!

    • 2 Cledson 03/06/2013 às 8:02 am

      Legal!! Tava faltando mesmo.
      Eu já ia procurar o email do Gagá pra avisá-lo sobre esse post, mas ele foi mais rápido!!!

      Aproveitando, sinto falta dos tempos mais movimentados do blog, mas sei que é difícil atualizar sempre.

  2. 3 Marcelo Martins 03/06/2013 às 11:20 am

    Alexei, obrigado por compartilhar.

    Gosto muito da franquia das músicas. Mais uma vez, fiquei curioso para ouvir as versões deste concerto. Será o que o amigo do Gagá não descola uns vídeos amadores enquanto não sai o CD?

    Um abraço!

  3. 4 Alexei Barros 04/06/2013 às 8:05 pm

    @ Gagá

    Agradeço a compreensão, hehe…

    Olha, e até acho que foi muito o que teve de PS clássico, considerando o cenário japonês onde o Master foi obscuro. O Rafael estava tão pessimista que achou que não ia ter nada!

    Muito boa a observação sobre o clima especial das músicas… Tem toda a razão. Quando se reproduz ao vivo, sempre algum efeito ou outro se perde, a não ser que se faça como em alguns segmentos do VGL (o Metal Gear Solid, por exemplo).

    Abraço e valeu pela menção lá no Gazeta de Algol!

    @ Cledson

    É, o Gagá tava de olho. Aliás, eu não tinha anotado a data e quando fui ver pipocou um e-mail dele falando do concerto.

    Valeu por sentir falta, hehe… Está faltando tempo, mas vou tentar me organizar para pelo menos garantir um post por semana.

    @ Marcelo

    Também estou muito ansioso, Marcelo. Especialmente pelo medley de faixas antigas, afinal, se não me engano, a maioria das faixas da vertente Online já é naturalmente orquestrada.

    E provavelmente não deverá rolar vídeos do Jorge, o amigo do Gagá, porque, pelo que acompanho, nos concertos japoneses todo mundo procura respeitar os pedidos para não gravar as apresentações. Como uma câmera acaba chamando a atenção, o pessoal evita esse tipo de coisa. Mas vai que por um milagre surja algo…

  4. 5 Fabão 24/07/2013 às 4:01 pm

    Maestro, abriram pre-order do álbum do concerto na Amazon japonesa! O pacote inclui dois CDs e, olha que ótimo!, um DVD. O lançamento está previsto para 25 de setembro. ^^

    http://www.amazon.co.jp/exec/obidos/ASIN/B00E1DV0SI/jounetunokiok-22/


  1. 1 Blog de Algol » Sobre o concerto sinfônico de Phantasy Star Trackback em 02/06/2013 às 10:29 am
  2. 2 Omega Catastrophe: o melhor álbum de fãs com músicas da Sega já lançado | Hadouken Trackback em 07/06/2013 às 5:16 am
  3. 3 Novo concerto de Phantasy Star no horizonte – desta vez, focado na vertente Online | Hadouken Trackback em 22/11/2015 às 5:15 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: