Arquivo de outubro \15\UTC 2014

“Final Fantasy VI Symphonic Poem (Born with the Gift of Magic)” (Final Symphony 2014 em Estolmo, Suécia)

Por Alexei Barros

Com extensos segmentos de Final Fantasy VI, VII e X, o Final Symphony estreou em 2013 na Alemanha e no mesmo ano chegou à Inglaterra. Desde então o espetáculo se transformou em uma miniturnê, passeando por outros países da Europa e até o Japão.

Em nenhuma dessas oportunidades o Final Symphony chegou a ser transmitido seja em vídeo ou em áudio, como tanto nos deixou mal acostumados a série de concertos Symphonic (Shades, Fantasies, Legends e Odysseys), que foi organizada pelos mesmos responsáveis (Thomas Boecker e equipe). Só consegui ouvir gravações da plateia que permitem ter uma boa ideia dos arranjos, mas evidentemente nada que chegue perto da excelência das transmissões (o que dirá dos CDs). Isso até agora…

O site da Royal Stockholm Philharmonic Orchestra publicou uma gravação do dia 18 de junho do segmento “Final Fantasy VI Symphonic Poem (Born with the Gift of Magic)” na magnitude de seus 19 minutos. A oportunidade é perfeita, já que Final Fantasy VI completa 20 anos de existência em 2014. Pessoalmente, é a minha trilha favorita da série e do Nobuo Uematsu, que estava no ápice da inspiração ao compor obra-prima depois de obra-prima (os temas de combate, os temas dos personagens, a ópera, o tema de encerramento… é uma coisa de outro mundo).

Com tanto tempo assim, muitas dessas composições memoráveis foram desenvolvidas no poema sinfônico. Não entrarei em muitos detalhes como costumava fazer (até porque o CD do concerto vem vindo aí pelo que diz o site oficial do Final Symphony), mas há clássicos atemporais como “Overture”, “Terra’s Theme”, “Kefka”, “Battle Theme” (morri nessa hora), “Save Them!” e outras. Como o arranjo é do Roger Wanamo, você pode esperar por algumas delas sendo executadas ao mesmo tempo por diferentes instrumentos da orquestra.

Sob a regência do maestro Andreas Hanson, a orquestra teve, como não poderia deixar de ser, uma performance esplêndida, como já vimos em outras oportunidades (a exemplo do concerto LEGENDS, com músicas da Nintendo). Por ora, se você quiser ler uma análise aprofundada desse e dos demais números do Final Symphony, não deixe de conferir o report in loco assinado pelo Luiz “Radical Dreamer” Macedo.

Agora… o que é essa gravação? Ela está realmente perfeita, melhor do que a das transmissões em streaming. O corte das câmeras acompanha a participação dos instrumentos, como em um espetáculo gravado em DVD. Ficou realmente incrível. Ao clicar na imagem abaixo, você será redirecionado para o site da RSPO e lá você pode voltar para o mundo encantador de Final Fantasy VI onde tecnologia e magia se misturam…


RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: