Symphonic Fantasies: a presença surpresa de Nobuo Uematsu

Nobuo Uematsu
Por Alexei Barros

Desde o início da revelação do Symphonic Fantasies – music from Square Enix em janeiro, a promessa era de que três compositores estariam nas duas apresentações nos dias 11 e 12 na Alemanha. E assim foram confirmadas as aparições de Yoko Shimomura, Yasunori Mitsuda e Hiroki Kikuta. Mas a conta estava errada. Eram três pessoas para quatro séries: Kingdom Hearts, Chrono, Mana e Final Fantasy. Faltava o representante da última, o mais famoso deles, e que não poderia ser outro senão Nobuo Uematsu para completar o quarteto fantástico da Square Enix. Juntos poderão reviver os anos de 1992 a 1998, quando os quatro ainda trabalhavam na gigante dos RPGs.

Não causa muito espanto porque Uematsu-san é uma figura extremamente ativa em concertos, haja vista recentemente a turnê Distant Worlds – music from Final Fantasy e a série Press Start ~Symphony of Games~. Na própria Alemanha, ele havia comparecido em três das cinco edições da série Symphonic Game Music Concert: First (2003), Second (2004) e Fourth (2006).

“Estou muito ansioso para ouvir os novos arranjos que serão tocados por uma orquestra completa”, diz Uematsu. “Vejo vocês no concerto!”. Mas com tantas apresentações que tocaram músicas de Final Fantasy – Final Fantasy Symphonic Suite, Orchestral Game Concert 1, 2 e 4, 20020220, More Friends, Voices e ainda as turnês Dear Friends, Tour de Japon e Distant Worlds – tem o que tocar? Evidente.

Das quatro séries que serão executadas, Final Fantasy é a que possui a maior quantidade de músicas, por isso é difícil tentar prever quais foram arranjadas por Jonne Valtonen. Na entrevista de anúncio da récita com o produtor Thomas Boecker ao SEMO, foi dito que o Symphonic Fantasies enfocaria as eras SNES e PlayStation. Com isso, descartaria os períodos NES / Famicom (FFI, II e III), PlayStation 2 (FFX, XI e XII), em que o Uematsu dividiu espaço com outras pessoas, e PlayStation 3 (FFXIII e XIV) – as trilhas mal foram completadas dos próximos capítulos. Final Fantasy Tactics, que é do Hitoshi Sakimoto então, nem pensar. Porém, acredito que FFV também não deve aparecer por não ter sido lançado originalmente no ocidente. Sendo assim, imagino que FFIV, VI, VII, VIII e IX serão os maiores reverenciados – torço para que com ênfase total na geração 16-bits. E espero que as escolhas sejam daquelas faixas que acabaram ficando esquecidas pelo tempo, não as mais difundidas pelos concertos anteriores.

[via release]

7 Responses to “Symphonic Fantasies: a presença surpresa de Nobuo Uematsu”


  1. 1 Wesley Pires 23/07/2009 às 2:14 pm

    Olha ai, bem que a gente dissertou nisso nos comentarios dos posts precedentes a este. Nobuo Uematsu teria que estar ai no meio, e fato que está sendo confirmado agora.
    Uma coisa que eu acho que irá aocntecer é eles colocarem uma ou duas citações da era 16 bits, e focarem na geração do PSX, já que é bem mais aclamada, apesar de preferir a geração 16 bits, em se tratando de composições originais. Afinal, para quem ouviu as OSTs dos jogos em 16 bits, saca na hora quando as musicas da geração seguinte tocam, que tem uma influencia ali e acolá das musicas passadas. Prova disso é a Aeris Theme, que se nao me engano, foi influenciada pela Aria di Mezzo Carattere, do FFVI (Me confirma isso depois, Alexei. Mas é quase certeza). Acho que poderiam dar um adendo maior a essa geração.
    Mas bora evr no que dá, com esse timaço de estrelas musicas.

  2. 2 Alexei Barros 23/07/2009 às 2:53 pm

    Apesar de, como você, torcer para o foco ser na era 16-bits, imagino que a geração 32-bits será a maior homenageada por conta da maior popularidade hoje em dia.

    No caso específico da “Aerith’s Theme” e da “Aria di Mezzo Carattere”, que, na verdade, é a “Celes”, acredito que seja apenas uma semelhança involuntária, até mesmo porque as duas são composições do Nobuo Uematsu, portanto com estilo parecido, ainda mais temas de duas personagens. Talvez existam mais casos assim, não sei…

    Porém, especificamente na trilha do FFIX, por ser um episódio comemorativo e nostálgico, eu sei que existem alusões a temas antigos, como a “Gurgu Volcano” (FFI) e “Gurgu Volcano” (FFIX) ou então ressonâncias de composições anteriores, a exemplo da “Battle 1”.

  3. 3 André (decolord) 23/07/2009 às 3:27 pm

    Muito bom o post A.Barros…

    Torço da mesma forma que você pela era 16 bits, junto com as músicas menos conhecidas(que são as que eu mais procuro ouvir, apesar de “ainda” não ter jogado os ff antigos).

    Como queria poder poder ter a oportunidade de ouvir músicas de ff em concertos e de quebra tirar uma foto com o N.Uematsu….

    Valeu pelo post, e umagrande abraço para a equipe do Hadouken.

    :)


  1. 1 Symphonic Fantasies: concerto será transmitido ao vivo pela internet em VÍDEO « Hadouken Trackback em 03/09/2009 às 9:04 pm
  2. 2 Lembrete: Symphonic Fantasies – music from Square Enix « Hadouken Trackback em 11/09/2009 às 11:37 pm
  3. 3 Symphonic Fantasies: os detalhes do programa « Hadouken Trackback em 25/09/2009 às 6:43 pm
  4. 4 Gagá Games » Concertão de games da Square ao vivo pela internet Trackback em 14/05/2010 às 4:40 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej

%d blogueiros gostam disto: