Posts Tagged 'Suda51'

Agradecimentos aos envolvidos em No More Heroes 2

Por Claudio Prandoni

Nota rápida: agradeço à Ubisoft, Marvelous, Yasuhiro Wada, Suda51 e todos os envolvidos por permitirem que um jogo como No More Heroes 2 se torne realidade.

Joguei o comecinho do game e em pouco mais de 15 minutos já trouxe de volta tudo aquilo – e ouso até, um pouco mais – do que eu queria e esperava de um novo título da série. Violência exagerada, humor nonsense, diálogos dramáticos e prolixos, paródias descaradas, Sylvia “Johansson” Christel e lutas invocadas super iradas e tal.

Em tempo, acho curioso como o primeiro NMH veio como uma surpresa, um sleeper hit, por assim dizer, e agora NMH2 já é recebido com ares de superprodução. Quase como um jogador de futebol que vai para a Europa e depois volta ao clube que o revelou. Coisa assim.

Outra reflexão: até o primeiro NMH Suda51 era um game designer pouquíssimo conhecido, passando de leve pela beirada do status cult. Agora, não apenas por causa, mas especialmente por conta de NMH, fico com a impressão que ele já virou um cara pop cult (como ele tanto parece gostar): estrela trailers, faz projetos com Hideo Kojima e todos os projetos nos quais ele se envolve já são cercados de expectativa positiva.

É issae.

Anúncios

Cabeças explodem no jardim da loucura, digo, diário em vídeo de NMH2

Por Claudio Prandoni

O hype continua por No More Heroes 2, claro, ainda mais agora na semana em que o jogo sai de maneira propriamente dita e prática.

Que tal conhecer um pouco mais sbre a tresloucada aventura por meio da mente alucinógena do dançante Suda51?

Apesar de estar todo com áudio em inglês – e sem legendas nem nada do tipo para ajudar – o diário em vídeo acima traz informações o bastante e de uma maneira bem peculiar, com todas aquelas comparações de banheiro que o Suda adora fazer, referências a cultura pop, uma mocinha bonitinha a tiracolo, montagens psicodélicas e coisa e tal.

Se isso não for o suficiente,fica o apelo: a cabeça do Suda explode! E é bem no comecinho, então dá pra você ver e ficar feliz sem esperar demais.

Aliás, penso eu cá com meus botões: até que será um ano feliz para as exclusividades hardcore no Wii. Nesta semana já temos No More Heroes 2 e Tatsunoko vs. Capcom. O ano ainda promete Metroid: Other M, Super Mario Galaxy 2, um novo Zelda, Monster Hunter 3, Epic Mickey, Sin & Punishment 2 e Zangeki no Reginleiv. Quem sabe até Earthbound não apareça no Virtual Console – e ainda incite a Big N crie vergonha na cara e lance oficialmente o Mother 3 por aqui.

Isso sem contar algumas coisas multiplataforma, que vou preferir jogar no PlayStation 3, mas não deixam de aparecer no branquinho, como Prince of Persia: The Forgotten Sands.

E você, o que mais espera?

Cante e Dance com Suda51 + Cloud clone em NMH2

Por Claudio Prandoni

Estamos muito, muito perto do lançamento de No More Heroes 2. Meio que sem querer querendo, o game designer Goichi Suda voltará a receber luzes dos holofotes midiáticos e aproveitar isso para promover a nova aventura de Travis Touchdown e disparar um bocado de saborosas declarações nonsense regadas a cultura pop. Tipo um Hideo Kojima mais divertido.

Enquanto a data não chega de verdade verdadeira, vamos conferir o amigão Suda51 pagando mico com a grande vergonha alheia que é o tal do Just Dance, da Ubisoft para o Wii. Acredite ou não, o jogo está fazendo o maior sucesso na Inglaterra.

Como bom apreciador da cultura ocidental – do melhor ao pior – Suda mostra desenvoltura, ou coisa parecida, em “U Can’t Touch This”, do MC Hammer, e ainda se diz fã de hardcore techno (!?).

Em tempo, fuxicando algumas imagens de No More Heroes: Desperate Struggle encontrei referências ao inigualável Cloud Strife no game, mais especificamente como um dos assassinos que Travis. O cara é loiro, tem cabelo espetado de maneira similar ao herói de FF VII, a camisa dele é de textura similar e há até vários penduricalhos ao estilo Tetsuya Nomura e uma espada laser com cabo igual à da Buster Sword – e formato luminoso também parelho.

Aliás, chuto eu que ele também faz referência a Squall Leonhart e sua Gunblade com essa exagerada pistola cheia de tambores de balas. Confere?

Olhaí embaixo, revivendo o meme das imagens do IGN.

Cartões de Ano Novo gamers 2010: Grasshopper

Por Claudio Prandoni

Dica do nosso sempre presente leitor fezones, o cartão de Ano Novo da Grasshopper.

Muito convenientemente, a produtora se aproveita do fato de 2010 ser o ano do tigre no calendário chinês e promove No More Heroes: Desperate Struggle, muitíssimo promissora continuação de um dos melhores jogos de Wii na minha opinião.

Aliás, e não é que o jogo já sai neste mês de janeiro?

E lá quando falei dele pela primeira vez parecia tão longe…

Players to consult on ‘MLB 2K10’

Flor, sol e chuva: a origem

Por Claudio Prandoni

Quer saber o nome do próximo jogo de Goichi Suda? Procure se informar sobre o que ele anda ouvindo.

Foi assim com No More Heroes, nome retirado da música homônima da banda The Stranglers. Rola o mesmo com Flower, Sun and Rain, adventure psicodélico e derretedor de mentes já lançado para PS2 e que chega semana que vem ao DS na América, cujo nome vem de uma composição da banda japonesa Pyg.

Acima, a música original. Abaixo o trailer de lançamento do game.


RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: