Posts Tagged 'Junichi Masuda'

“Pokémon Medley” – Pokémon Red Version & Blue Version (VGL 2011 no Rio de Janeiro)

Por Alexei Barros

Pelo que disse o apresentador Tommy Tallarico antes da performance, Pokémon foi um dos jogos mais requisitados nos seis anos de visitas do Video Games Live ao Brasil. Em contrapartida, é curioso constatar que, antes de 2011, mesmo com tamanha popularidade da franquia, existia somente um arranjo orquestrado oficial: “Pokémon Medley” do Dairantou Smash Brothers DX Orchestra Concert, ainda por cima por ocasião do Super Smash Bros. Melee.

E, então, em setembro enfim teve Pokémon no Press Start 2011, coincidentemente na sexta edição do evento. E em outubro o VGL reservou para a excursão brasileira a estreia mundial da turnê do segmento de Pokémon.

Como sou uma completa negação de Pokémon não me sinto apto a avaliar a escolha de faixas. Quanto ao arranjo, o trabalho, se não é fenomenal, é minimamente decente, com começo, meio e fim. A “~Opening~”, música de introdução do Pokémon Red e Blue do Junichi Masuda confere todo o impacto necessário para fazer com que os fãs reconheçam de cara a sequência de notas inicial e fiquem mais interessados em gritar, bater palmas e cantar junto a melodia – de uma música instrumental – em vez de simplesmente ouvir.

O vazio após a introdução poderia ser considerado um bom exemplo de como não se fazer uma transição – ainda bem que a original é assim. Não que tenha sido feita uma passagem para a “Battle (VS Trainer)”. Nesse caso, porém, eu abro uma exceção: como o combate é aleatório, uma mudança ríspida de música no arranjo passa a mesma sensação de surpresa do jogo.

A segunda metade provém totalmente do anime – não vi tanto problema nisso, dada a proximidade do jogo com o desenho animado. Depois de um buraco, a mensagem do telão pede, ao som da “Prepare for Trouble”, que o público recite o lema do Team Rocket. No Rio de Janeiro a dublagem era em inglês, mas depois das reclamações pelas vozes em português, a produção do VGL conseguiu colocar a tempo nas apresentações em Porto Alegre e em São Paulo, só que mantendo o “Say it with us!” em inglês. Depois dessa parte interativa o medley finaliza com a magnífica “I Got a Victory Badge!”, cuja original exprime por que eu gosto tanto de música orquestrada japonesa, seja qual for a origem das composições.

Nada muito elaborado, mas respeitável. Agora… essa guitarra pré-gravada é o fim da picada.

“Pokémon Medley”

“~Opening~” ~ “Battle (VS Trainer)” (Pokémon Red Version & Blue Version) ~ “Prepare for Trouble” ~ “I Got a Victory Badge!” (anime)

Press Start 2011: contemporâneo e nostálgico; épico e diversificado

Por Alexei Barros

Após o lançamento do mediano álbum Press Start 5th Anniversary e as enfadonhas reprises na comemoração dos cinco anos de existência dos concertos no Press Start 2010, o Press Start 2011 veio para retomar no dia 14 de agosto o principal motivo de estima pela série japonesa de récitas: seleções magistrais de jogos japoneses, velhos e novos, alguns difíceis de imaginar em outros espetáculos do gênero.

Comentarei as escolhas de faixas mais detalhadamente após o Hadouken, mas pareceu ter sido um evento extraordinário, o que faz aumentar o desejo pelo segundo CD. Na condução de Taizo Takemoto, a Kanagawa Philharmonic Orchestra tocou no Shinjuku Bunka Center Hall, em Tóquio, às 14 e depois às 18 horas locais. Vale lembrar que, pela primeira vez, será realizada uma terceira apresentação no Japão, marcada para o dia 19 de setembro em Nagoya, com a Nagoya Philharmonic Orchestra no Century Hall do Nagoya International Conference Hall e regência de Kosuke Tsunoda. Continue lendo ‘Press Start 2011: contemporâneo e nostálgico; épico e diversificado’


RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej

%d blogueiros gostam disto: