Posts Tagged 'Jocelyn Leblanc'

“Mega Man II Medley” – Mega Man II (Otakuthon 2013)

Por Alexei Barros

Apesar de ter publicado ainda poucos vídeos deles, a orquestra de sopro canadense L’Orchestre de Jeux Vidéos vem surpreendendo bastante pelas seleções inusitadas. Dá para dizer sem medo que eles são um dos grupos pró-amadores ocidentais mais ousados, fugindo das seleções comuns.

Embora Mega Man II seja um jogo extremamente popular e sua trilha sonora idem, são raras as vezes em que as músicas foram orquestradas, possivelmente pela natureza das composições, com andamento bastante acelerado. O medley da LOJV apresentado no evento Otakuthon 2013 consegue captar toda essa velocidade, começando direto na “Title” – não aproveitar a “Opening” deu muito mais dinamismo.

Depois, a performance segue para três temas de fase, iniciando pela  “Metalman Stage”, que ganhou uma rendição fantástica nos clarinetes, flautas e especialmente nos metais. Com uma transição muito apropriada, a peça segue para a melodia incrível da “Crashman Stage” (meu tema preferido), com o baixo elétrico em destaque. Depois da passagem feita pela bateria, surge a “Flashman Stage”, que igualmente ficou espetacular. Fechando esse arco, a “Title” aparece mais uma vez, funcionando tão bem como uma música de encerramento quanto serviu de entrada. A miscelânea não conta com a popularíssima “Dr. Wily Stage 1″, mas consegui relevar diante da bela adaptação das faixas 8-bit selecionadas.

O vídeo não ajuda muito a mostrar os instrumentistas mais ao fundo da LOJV, mas, pelo menos, o som está bom.

“Mega Man II Medley”
Originais: “Title” ~ “Metalman Stage” ~ “Crashman Stage” ~ “Flashman Stage” ~ “Title”

Anúncios

“Super Mario Galaxy 2 Medley” – Super Mario Galaxy 2 (L’Orchestre de Jeux Vidéos)

Por Alexei Barros

Quando não desenterram seleções fantasticamente obscuras, as orquestras pró-amadoras estão na vanguarda, como é o caso da canadense L’Orchestre de Jeux Vidéos com Super Mario Galaxy 2. A performance tem algumas falhas, em especial os trompetes volta e meia desafinados, estranhamente muito piores do que no “Super Mario Medley” que publiquei tempos atrás. Mas se antes nem sequer houve a intenção de estabelecer transições, aqui o arranjo parece mais bem elaborado, ainda que o resultado não seja ideal na totalidade. Por exemplo, a extremamente singela “The Tico and the Hat” foi espremida pela bombástica “Magma Monster” e pela imponente “The New Galactic Empire”. Então por que trago o vídeo?

Mesmo com a imperfeição da atuação e também sabendo que, por ser uma orquestra de sopro não há instrumentos de cordas, a genialidade das músicas do SMG2 é tamanha que é capaz de maravilhar, apesar de todas as limitações – imagine com uma orquestra profissional. “Theme of SMG2”emociona logo no começo, emendando na “Koopa Jr.’s Fortress” e o mesmo pode ser dito sobre a maravilhosa “Super Mario Galaxy 2”. Isso que o medley não tem nenhuma das composições novas do Koji Kondo. E a L’Orchestre de Jeux Vidéos também ganha pontos pela criatividade. A “Fateful Decisive Battle” perderia muito se não contasse com coral como na original. E quem disse que não teve? Os próprios musicistas cantam! Prevalece somente o rufar dos tímpanos. Em seguida, são os metais que fazem a vez do coro no momento mais surpreendente.

“Super Mario Galaxy 2 Medley”
“Theme of SMG2” ~ “Koopa Jr.’s Fortress” ~ “Magma Monster” ~ “The Tico and the Hat” ~ “The New Galactic Empire” ~ “Fateful Decisive Battle” ~ “Super Mario Galaxy 2”

“Final Fantasy VI Medley” – Final Fantasy VI (L’Orchestre de Jeux Vidéos)

Por Alexei Barros

Há dois anos publiquei uma performance da Orchestre à Vents de Musiques de Films, e vasculhando o YouTube descobri que o diretor criativo, Jocelyn Leblanc, cuida também da L’Orchestre de Jeux Vidéos, ambas orquestras de sopro do Canadá. Ainda que a primeira aparente ser focada em filmes, era um medley de um jogo, do Mario – vai entender.

Mesmo que a gravação prejudique a apreciação e julgamento da qualidade da atuação, percebo que existe o esforço de confeccionar arranjos próprios, e uma das escolhas desta apresentação realizada em 2009 (veja quanto tempo marquei bobeira) foi o Final Fantasy VI.

A “Fanfare” no início me decepcionou por não aproveitar a continuidade da fanfarra, com aquele baixo funkeado (sintetizado, evidentemente) sensacional. A seguinte, “Edgar and Sabin”, jamais arranjada oficialmente, difundiu-se nas orquestras amadoras e tem potencial de sobra para entrar em um medley em um concerto de Final Fantasy. “Aria de Mezzo Carattere” e “Terra’s Theme” são mais conhecidas, e a maior surpresa é a faixa que aparece no meio delas, “The Day After”, para você ver a abundância da inspiração da trilha, porque não param de revisitar músicas do FFVI. Tirando a desafinada da flauta (6:19), é um medley gratificante.

– “Final Fantasy VI Medley”
“Fanfare” ~ “Edgar and Sabin” ~ “Aria de Mezzo Carattere” ~ “The Day After” ~ “Terra’s Theme”


RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: