Posts Tagged 'Game Addict’s Music Ensemble 3rd Concert'

“Secret of Mana Medley” – Secret of Mana (Game Addict’s Music Ensemble 3rd Concert)

Por Alexei Barros

Acabou. Comentário após comentário, post após post… Para cada vez que citava Secret of Mana, eu teimosamente questionava: quando vão orquestrar a “Danger”, o tema que embala as batalhas contra chefes no RPG do Super Nintendo? Enfim a espera se encerrou na apresentação Game Addict’s Music Ensemble 3rd Concert, com a performance da Game Band, uma orquestra pró-amadora (evidentemente) japonesa que já desfilou por aqui algumas poucas vezes.

Como em outras oportunidades, isso é sinônimo de que o arranjo em si não é tão elaborado ou arrojado e mais fiel na emulação de timbres. A primeira constatação sobre a simplicidade da releitura se observa na total ausência de transições, com pausas entre uma faixa e outra. Porém, a seleção de músicas capta a experiência do jogo como um todo, a ponto de não me lastimar por determinadas ausências.

Com o piano e as madeiras, a Game Band começa obviamente pela “Angel’s Fear”, da tela-título. Mas, quando entram as trompas, elas não vêm sozinhas. Junto chega o baixo elétrico, instrumento que eu acho indispensável para qualquer execução de Secret of Mana, uma vez que a maioria das músicas do jogo apresenta linhas de baixo alucinantes.

Em seguida, tenho a primeira morte decretada com a “The Color of the Summer Sky”, um tema animado reproduzido primeiro no saxofone e depois com outros metais, acompanhados pelo xilofone essencial. Passando para a exploração nos gramados verdejantes, a simpática “Into the Thick of It” se destaca pelo violão e a incidência de outros instrumentos. Eis então que…

“Danger”! A performance mostrou que a faixa pode ser plenamente tocada por uma orquestra sem nenhuma perda na empolgação da música – basta escolher os instrumentos certos. Até mesmo o começo, que é um pouco mais repetitivo, ficou perfeito com a guitarra caótica. Mas são os metais que reproduzem a melodia avassaladora, com as incríveis alternações do xilofone e do baixo e guitarra. Morri mais uma vez. Para não cansar, a ideia de mostrar apenas um looping da faixa foi acertada.

Para acalmar o clima, a “Still of the Night” me faz lembrar dos cenários abertos iluminados apenas pelo luar com a parceria do piano e da flauta. Para avisar de que um perigo está por vir, a “The Dark Star” chega com os metais, terminando com mais calmaria. Nem precisava me matar de novo, mas a breve alusão da “Leave Time for Love” me cativou com os metais afiados.

A “Meridian Dance”, a faixa que costuma ser a mais escolhida depois da “Angel’s Fear”, aparece em uma ótima rendição nas madeiras e depois metais. As madeiras, inclusive, são as responsáveis pela reprodução da progressão harmônica, dando lugar para o domínio completo dos metais.

Eu já estava morto desde a “Danger”, mas, como se isso tudo não fosse bastante, a Game Band finaliza com o tema de encerramento “The Second Truth from the Left” para fazer eu me revirar na tumba. O pique jazzístico caiu muito bem aqui, incluindo aquela intermissão com piano, bateria e solo de baixo que aparece do nada na música original, ainda que não perfeitamente reproduzido (especialmente o baixo).

Depois de tantos óbitos, não me resta outra opção senão a de aplaudir como fez o público local. Essa performance merece ser de pé, porque preencheu muitas lacunas e cumpriu vontades que vinham de anos.

“Secret of Mana Medley”

“Angel’s Fear” ~ “The Color of the Summer Sky” ~ “Into the Thick of It” ~ “Danger” ~ “Still of the Night” ~ “The Dark Star” ~ “Leave Time for Love” ~ “Meridian Dance” ~ “The Second Truth from the Left”

 

Anúncios

RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: