Posts Tagged 'Demo'

micro IMPRESSÕES: Demo européia de Killzone 2

microimpressoeskillzone2

Por Claudio Prandoni

E3 2005. Até hoje reluz a lembrança do trailer mentiroso e mega power hyper fighting de Killzone 2 (esse aí abaixo). Tempo vai e vem, PlayStation 3 sai, traz novas franquias, continuações e coisa e tal e nada do tal Killzone 2.

O barulho mesmo só veio lá pela metade do ano passado – ou ao menos foi quando o zumzumzum chegou a mim. Enfim, cético pela pouca paixão a FPSs e menos afeiçoado ainda ao suposto Halo killer da Sony: foi assim que experimentei a demo de Killzone 2.

Para usar linguagem sucinta de fórum: Epic Win!

Logo nos primeiros 3,27 segundos a demonstração te pega pelo colarinho, te atira com força no meio de ação e passa uma sensação de guerra virtual mais impactante do que muito jogo de Segunda Guerra Mundial e/ou fictícia por aí. Sério mesmo.

O ritmo é frenético e a promessa de experiência hollywoodiana é cumprida com esmero implacável. Tudo é visivelmente orquestrado – as explosões têm hora certa para acontecer, a aparição salvadora de amigos ou o ataque repentino de bandidões – um roteiro linear, mas tão bem costurado que é difícil não se deixar impressionar.

51u7kubxd4l__sl500_aa280_Nos controles não muito a inventar: bebe direto da fonte de outros FPSs para consoles agregando funções de ataque nos botões superiores L1 a R2. A grande sacada é o uso do botão L2, que apresenta uma versão recauchutada do excelente sistema de cobertura consolidado por Gears of War. Segure o botão e seu herói se escora na parede. Mova com a alavanca analógica esquerda até as extremidades para dar aquela espiadinha e acertar os inimigos Helghast. Prático e rápido. Tipo de coisa que em 2,53 minutos fica super natural, tipo assim.

O visual é tudo o que promete mesmo. De verdade. Sem zoeira. Ou ao menos 95% daquilo que vimos na E3 2005. Tipo de game que faz você ficar orgulhoso pelo investimento em um PS3 e, assim como MGS4, não deixa dúvidas de que outros consoles ou computadores atuais conseguiriam processar algo parecido.

O grande pecado da demonstração é ser tão, tão curtinha. Em uma primeira vez dá pra matar tudo em 10,42 minutos. Com experiência e tal, diria que 6,33 minutos são o bastante, quiçá 4,98 até.

Acredito que fizeram versão latinha da demonstração para que o impacto seja maior. Fica a dúvida se é uma tramóia serelepe da Sony para nos deixar babando por mais e no final não é lá tudo isso, mas pelo que tenho visto das revistas que já analisaram a versão completa não é enganação não: o jogo é tudo isso mesmo.

capa_gm_48Aliás, ficadica: a gurizada marota da GameMaster já debulhou Killzone 2 – tem primeiras impressões no blog, review completo na edição 48 da revista, que chega logo menos nas bancas, parece.

Ficadica 2: a menina guerreira Clarice também colocou as impressões dela lá no Girls of War. Não perca!

Logo depois do salto, o tão falado trailer do Killzone 2 na E3 2005.

Continue lendo ‘micro IMPRESSÕES: Demo européia de Killzone 2’


RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej

%d blogueiros gostam disto: