Posts Tagged 'Apollo Justice: Ace Attorney'

Gyakuten Saiban 15th Anniversary Orchestra Concert: concerto de debutante na sala de justiça

Nove anos depois, o maestro Hirofumi Narita voltou à sala de justiça para reger a Tokyo Philharmonic Orchestra

Por Alexei Barros

A justiça tarda, mas não falha: no dia 6 de maio aconteceram as duas apresentações do concerto comemorativo Gyakuten Saiban 15th Anniversary Orchestra Concert, que celebrou os 15 anos da série Ace Attorney (na verdade, esse aniversário de debutante aconteceu em 2016, como o primeiro Gyakuten Saiban para Game Boy Advance é de 2001).

O concerto de estreia de Ace Attorney ocorreu lá em abril de 2008 e saiu em CD e DVD – realmente parece que foi outro dia –, com direito a um repeteco em setembro do mesmo ano que incluía dois números inéditos. De lá para cá, a série ganhou seis jogos:

– Ace Attorney Investigations: Miles Edgeworth (DS, 2009)
– Gyakuten Kenji 2 (DS, 2001; inédito nos EUA)
– Phoenix Wright: Ace Attorney – Dual Destinies (3DS, 2013)
– Dai Gyakuten Saiban: Naruhodou Ryuunosuke no Bouken (3DS, 2015; inédito nos EUA)
– Phoenix Wright: Ace Attorney – Spirit of Justice (3DS, 2016)
– Dai Gyakuten Saiban 2: Naruhodou Ryuunosuke no Kakugo (3DS, 2017; inédito nos EUA)

Portanto, um novo espetáculo seria totalmente justificado. Como eu falei acima, foram realizadas duas apresentações no Tokyo Bunka Kaikan e cada uma teve três segmentos exclusivos. Dai Gyakuten Saiban 2 foi lançado em agosto de 2017, depois do concerto, e não chegou a ser representado no programa.

Eu demorei tanto para fazer o post que deu tempo de o álbum ser lançado no dia 13 de setembro (no fim do post, há um link do YouTube). Um aspecto muito importante é que a Capcom não deixou nenhuma música de fora, registrando todos os 13 segmentos em um CD duplo. Como em 2008, os arranjos foram feitos por Noriyuki Iwadare, com a performance da Tokyo Philharmonic Orchestra e a regência do maestro Hirofumi Kurita, que também conduziu os concertos de Monster Hunter.

As músicas mais icônicas, como o tema principal e dos personagens mais famosos, foram tocadas mais uma vez sem grandes surpresas, mas com muita nostalgia (a suíte dos três primeiros jogos é sempre primorosa). Porém, a meu ver, as suítes “Dai Gyakuten Saiban Suite” e “Dai Gyakuten Saiban Suite Continued” (com temas de personagens) referentes ao Dai Gyakuten Saiban é que roubaram a cena por causa da presença do acordeão em diferentes momentos da performance. Chegou a me lembrar Professor Layton (ironicamente, a série com quem Ace Attorney já teve um crossover). Eu certamente apreciaria ainda mais se tivesse jogado, porém não há planos de localização em inglês, infelizmente.

O espetáculo deu tão certo que um novo concerto de Ace Attorney já está marcado para o dia 15 de abril de 2018, também com duas apresentações nesse mesmo esquema de set lists diferentes para cada horário. O site oficial promete arranjos inéditos.

Nas suítes de Dual Destinies e Spirit of Justice, o público foi incentivado a falar em coro os bordões da série

Set list (apresentação 14h)

Ato I
01. “Phoenix Wright ~ Objection!” (Phoenix Wright: Ace Attorney)
02. “Gyakuten Saiban 5 Courtroom Suite” (Phoenix Wright: Ace Attorney – Dual Destinies)*
03. “Gyakuten Kenji Meeting Suite” (Ace Attorney Investigations: Miles Edgeworth e Gyakuten Kenji 2)
04. “Gyakuten Kenji Suite – The Great Path” (Ace Attorney Investigations: Miles Edgeworth e Gyakuten Kenji 2)

Ato II
05. “Dai Gyakuten Saiban Suite” (Dai Gyakuten Saiban: Naruhodou Ryuunosuke no Bouken)
06. “Great Revival ~ Reiji Mitsurugi” (Phoenix Wright: Ace Attorney – Justice for All)
07. “Mayoi Ayasato ~ Turnabout Sisters’ Theme” (Phoenix Wright: Ace Attorney)*
08. “Gyakuten Saiban 1~3 Courtroom Suite” (Phoenix Wright: Ace Attorney, Phoenix Wright: Ace Attorney – Justice for All e Phoenix Wright: Ace Attorney – Trials and Tribulations)*

Bis
09. “Dai Gyakuten Saiban Suite Continued” (Dai Gyakuten Saiban: Naruhodou Ryuunosuke no Bouken)
10. “Oo-edo Soldier Tonosaman” (Phoenix Wright: Ace Attorney)

Set list (apresentação 18h30)

Ato I
01. “Phoenix Wright ~ Objection!” (Phoenix Wright: Ace Attorney)
02. “Gyakuten Saiban 6 Courtroom Suite” (Phoenix Wright: Ace Attorney – Spirit of Justice)*
03. “Gyakuten Kenji Meeting Suite” (Ace Attorney Investigations: Miles Edgeworth e Gyakuten Kenji 2)
04. “Gyakuten Kenji Suite – The Great Path” (Ace Attorney Investigations: Miles Edgeworth e Gyakuten Kenji 2)

Ato II
05. “Dai Gyakuten Saiban Suite” (Dai Gyakuten Saiban: Naruhodou Ryuunosuke no Bouken)
06. “Great Revival ~ Reiji Mitsurugi” (Phoenix Wright: Ace Attorney – Justice for All)
07. “Godot ~ The Fragrance of Dark Coffee” (Phoenix Wright: Ace Attorney – Trials and Tribulations)*
08. “Gyakuten Saiban 4 Courtroom Suite” (Apollo Justice: Ace Attorney)*

Bis
09. “Dai Gyakuten Saiban Suite Continued” (Dai Gyakuten Saiban: Naruhodou Ryuunosuke no Bouken)
10. “Oo-edo Soldier Tonosaman” (Phoenix Wright: Ace Attorney)

*Segmentos exclusivos de cada apresentação.

 

[via Capcom, 2083, Famitsu, Gamer, Dengeki Online, 黒薔薇卿歓楽館]

Anúncios

Turnabout Hadouken


Por Alexei Barros

Depois de três ou quatro meses de jogatinas ininterruptas, socos na mesa, dedos na cara, litros e litros de suor, objeções e apresentações, finalmente concluí os quatro anos de Bacharelado em Ciências Jurídicas Ace Attornianas, ou seja, terminei na seqüência Phoenix Wright: Ace Attorney, PW: AC – Justice for All, PW: AC – Trials and Tribulations e Apollo Justice: Ace Attorney.

Antes, o meu conhecimento da série se resumia ao âmbito musical, com os álbuns Gyakuten Saiban Orchestra Album ~Gyakuten Meets Orchestra~ e Gyakuten Saiban Jazz Album ~Gyakuten Meets Jazz Soul~, sabendo que o grande Noriyuki Iwadare era o principal nome por trás dos arranjos. Havia visitado os tribunais o suficiente para escrever reviews curtos dos dois mais recentes e o encanto foi imediato quando vi certo promotor estapeando com altivez o seu vistoso topete e um advogado novato testando os limites de decibéis do grito de OBJECTION!. Queria conhecer a série por completo, de ponta a ponta, do começo ao fim, de Phoenix Wright a Apollo Justice.

Após elogios incessantes dos advogados Prandoni e Geraldo, fui intimado a comparecer ao júri com regularidade. Suponho que só consegui fechar os quatro pela facilidade de poder salvar a qualquer momento e ser muito fácil retomar o fio da meada, além do que as histórias incitam a descobrir o veredicto o mais rápido possível nem que por isso horas de sono e prazos de textos sejam sacrificados.

Foram quatro e poderiam ser oito. Eu não me importaria. A corriqueira crítica da escassez ou ausência completa de novidades sempre que surge uma seqüência – às vezes, cega, infundada e injusta, como se cada jogo lançado tivesse que revolucionar o mundo – não se aplica (ou não se aplicou até agora ao menos) à Ace Attorney. Grosso modo, a fórmula de Trials and Tribulations é idêntica a de Justice for All, que por sua vez introduziu somente a possibilidade de apresentar fotos e a concepção do Psyche-Lock à mecânica do original, mas os meandros são tão bem concatenados que superam qualquer ameaça de tachá-lo de caça-níquel. Evidente que chega uma hora em que se criam certos clichês, como o fato de sempre um caso estar relacionado a outro antigo e a cena do crime não ser aquela que se imaginava a princípio. E os personagens então? Não me lembro de outra série com tantas pessoas engraçadas, carismáticas e memoráveis. Metal Gear Solid tem Fatman ou The Fear como exemplos de mazelas, Final Fantasy, Cat Sith ou Quina Quen, já Ace Attorney não tem figuras inexpressivas.

Poderia então fazer uma seleção dos melhores personagens, diálogos, piadas músicas, piadas, promotores, advogados. Preferi o óbvio: os dez melhores casos. E alerto. Não tem como falar deles sem estragar as surpresas. Escrevo para quem também passou por todas as mesmas trilhas tortuosas da advocacia virtual pela qual fui acometido e, por isso, o texto a seguir está efervescendo em spoilers, apesar de não contar todas as histórias. Não leia caso não tenha terminado. Foco mais nas justificativas por cada escolha.

E que venham logo Gyakuten Kenji e Gyakuten Saiban 5!

HOLD IT!

ATENÇÃO, SPOILERS A SEGUIR

Continue lendo ‘Turnabout Hadouken’


RSS

Twitter

RSS Box art do dia

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: