Posts Tagged 'A Night in Fantasia 2005'

“Moon Over the Castle” – Gran Turismo 4 (A Night in Fantasia 2005)

Por Alexei Barros

Foi uma gigantesca epopeia na busca por este vídeo. Infelizmente, o longo tempo de procura é proporcional à minha imensa decepção com a performance.

O tema da série Gran Turismo foi tocado em diversas ocasiões em shows do T-Square, a banda jazz fusion do compositor Masahiro Andoh como já compartilhei por aqui, e em espetáculos de game music somente em duas oportunidades: no concerto holandês Games in Concert 2 (2007) e nesta récita australiana A Night in Fantasia 2005.

A introdução da “Moon Over the Castle ~Orchestra Version~” é reproduzida com maestria pelo Eminence Symphonic Choir e principalmente pela soprano Narelle Yeo no solo em italiano, mas… É só isso. É apenas a introdução que Keiichi Oku arranjou na versão do Gran Turismo 4. Quando você imagina que vai entrar a parte rock, que mais interessa, acaba subitamente. Será que valia a pena tocar somente o trecho erudito? Para mim, não compensa.

Parte da culpa pela omissão é da própria Sony, que prejudica a popularidade do tema original, imagino eu. Nas versões europeia (que possui o mesmo sistema de cor PAL da Austrália) e americana a música foi bizarramente trocada por canções licenciadas – respectivamente, “Reason is Treason” (Kasabian) e “Panama” (Van Halen) –, algo que ainda tento digerir, já que o tema foi composto para o jogo, e a própria abertura foi montada baseando-se na melodia da faixa japonesa.

Japão – “Moon Over the Castle”

Estados Unidos – “Panama” (Van Halen)

Europa – “Reason is Treason” (Kasabian)

Anúncios

“Rising Sun, 1st Movement” – Onimusha (A Night in Fantasia 2005)

Por Alexei Barros

Apesar de a franquia Onimusha estar encostada pela Capcom, sou totalmente favorável por um concerto exclusivo da série, bem como aconteceu com Resident Evil (fato que descobri recentemente; a apresentação de 1999 está registrada no CD Bio Hazard Orchestra Album), Ace Attorney e futuramente Monster Hunter. O disco Onimusha 2 Orchestra Album ~Taro Iwasiro Selection~ é um primor do início ao fim e a “Onimusha 3 Opening”, que ilustra aquela CG avassaladora de abertura, é magnífica. Detalhe: eu nunca joguei qualquer Onimusha, embora as trilhas sonoras tenham me inspirado a conhecer.

Merecia ser lembrada pelos concertos. A única vez em que isso ocorreu foi no A Night in Fantasia 2005 da australiana Eminence Symphony Orchestra, com a execução da “Rising Sun, 1st Movement”, escrita por Mamoru Samuragoch. É louvável o empenho em recriar a música da maneira mais fiel possível – sem playback, evidente. Para tanto, o convidado Riley Lee tocou a introdução no shakuhashi, flauta de bambu, dando passagem para as alternâncias impetuosas de metais e cordas. Até dá para reparar em uma desafinada do trompete em uma nota mais aguda e o tamanho relativamente diminuto da orquestra (lembro que a Eminence aumentou e evoluiu bastante desde 2005) não condiz com a grandiosidade da peça, mas fica o registro da música de uma série japonesa que sequer apareceu em concertos nipônicos.


RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: