Data de lançamento e track list do Piano Opera Final Fantasy I/II/III

Por Alexei Barros

Numa boa, às vésperas de 2012, quem ainda aguenta coletâneas com músicas antigas de Final Fantasy? Eu! Porque mais uma está chegando.

Quem comprou um CD na Na Tokyo Game Show 2011 recebia de brinde o Square Enix Music Sampler CD 2011 Vol.6. Como de costume, esses discos bônus adiantam os próximos lançamentos da Square Enix e nesse chamou a atenção a oitava faixa, de nome “The Rebel Army” from Piano Collections Final Fantasy I-II-III (temporary).

E, enfim, temos a confirmação. Abandonando o nome “Piano Collections”, adotado desde o FFIV, a nova velha compilação se chama Piano Opera Final Fantasy I/II/III, tapando a lacuna de três episódios que nunca tiveram uma antologia do tipo (tirando os spin-offs, somente FFXII e FFXIV não possuem também). Sabe se lá o que “Piano Opera” quer dizer de diferente. O número de catálogo é o SQEX-10302, e o preço de 2800 ienes. O lançamento ainda vai demorar um pouco, só em 29 de fevereiro de 2012. Arranjador e pianista: Hiroyuki Nakayama, o mesmo das duas coletâneas de piano de Kingdom Hearts e que participou do Pia-Com II.

Você sabe que tenho o péssimo hábito de mencionar aleatoriamente faixas memoráveis que ouço e são pouco reverenciadas. Parece que, quanto maior o meu apreço por essas, menor as chances de as músicas serem lembradas. Ao menos uma! Por ocasião do Symphonic Odysseys – aliás, o CD do concerto sai hoje no Japão –, eu senti que a “Magician’s Tower” do FFII combinaria com a suíte tocada pelo Benyamin Nuss. Estará no álbum, é a oitava faixa. Mas a “Dungeon” do FFI nem a pau. De resto, a track list me parece um pouco previsível. Certamente os medleys dos temas de batalha e dos temas de cidade são os mais promissores para mim. Coloco os links originais para facilitar:

No site oficial é possível ouvir um sample da “Prelude”. Creio que até o lançamento devem liberar muitas amostras mais.

01 “Prelude” ~ “Opening” (Final Fantasy)
02 “Main Theme” (Final Fantasy)
03 “Town Medley” [“Town” ~ “Town” ~ “My Home Town”] (Final Fantasy I/II/III)
04 “Gurgu Volcano” (Final Fantasy)
05 “Matoya’s Cave” (Final Fantasy)
06 “Main Theme” (Final Fantasy II)
07 “Rebel Army Theme” (Final Fantasy II)
08 “Magician’s Tower” (Final Fantasy II)
09 “Battle Medley” [“Battle Scene” ~ “Battle 1” ~ “Battle 1”] (Final Fantasy I/II/III)
10 “The Boundless Ocean” (Final Fantasy III)
11 “Crystal Cave” (Final Fantasy III)
12 “Eternal Wind” (Final Fantasy III)
13 “This is the Last Battle” (Final Fantasy III)

[via Piano Opera Final Fantasy I/II/III]

15 Responses to “Data de lançamento e track list do Piano Opera Final Fantasy I/II/III”


  1. 1 Felipe 27/12/2011 às 12:34 pm

    E FFXII nem pensar? Por que a Square Enix teima em ignorar completamente este episódio, será pela mudança de compositor? Se bem que o XI também tem sua coletânea para piano…

    Dos títulos dessa Piano Opera, só joguei o remake do III no DS. Mas se a qualidade desse álbum estiver no nível das Piano Collections, vou ouvir com prazer!

    • 2 Alexei Barros 27/12/2011 às 2:16 pm

      Nem pensar. =(

      Pelo menos não estamos sozinhos nessa vontade pelo FFXII. Este post do OSV chama a atenção pela “Eruyt Village” – seria simplesmente perfeita para a coletânea! A Senjou no Valkyria Piano Pieces, que acho excelente, mostrou com as composições do Sakimoto combinam com esse tipo de arranjo.

      Eu, quem diria, terminei esses três primeiros (I e II no PlayStation e o III no DS como você). Sou fascinado pelas trilhas, e acho que não precisa mesmo ter jogado para desfrutá-las, ainda mais arranjadas para o piano.

      • 3 Felipe 28/12/2011 às 4:14 pm

        Não conhecia a Senjou no Valkyria Piano Pieces, fui atrás e achei maravilhosa! Alexei, você chegou a fazer um post sobre o disco? Fiz uma busca aqui no Hadouken mas não teve resultado.

        O pessoal do OSV também está bem pessimista quanto as chances de sair uma coletânea pra piano de FFXII. Curioso é que o post dá a entender que a trilha sonora do jogo não é impopular, o que me deixa ainda mais intrigado quanto a esse aparente descaso da Square Enix.

        Quase chorei quando ouvi a Eruyt Village, a nostalgia bateu forte! Sem dúvida ficaria perfeita no piano. Votaria também na Neighborhood of Water, lembro de ficar voltando na praia só pra ouvir a música!

        • 4 Alexei Barros 28/12/2011 às 5:32 pm

          Não cheguei a fazer post, infelizmente. Eu nem esperava muito do álbum para ser sincero. Não conheço tão bem as trilhas da série, e o arranjador/pianista não era um cara conhecido do meio. Aparentemente, o Casey Ormond era um fã que foi descoberto pelo Hitoshi Sakimoto. Além disso, confesso ser um pouco difícil para mim comentar um álbum inteiro de arranjos no piano, acabo soando muito repetitivo por não poder citar muito os instrumentos e tal. Mas fico feliz de você ter aceito a recomendação tão prontamente, hehe…

          Difícil de entender mesmo o descaso. Tentei traçar algumas hipóteses, porém precisava averiguar melhor.

          “Neighborhood of Water” é outra fantástica também!

        • 5 Radical Dreamer 28/12/2011 às 5:36 pm

          Lembro de ter lido que a trilha do Final Fantasy XII nunca foi tão apreciada quanto as de Uematsu ou de Hamauzu no Japão, talvez pelo enfoque menos melódico e mais ocidental de Sakimoto, o que possivelmente levou a Square-Enix a temer um número baixo de vendas. De qualquer forma, há diversas faixas como “Eruyt Village” e “The Skycity of Bhujerba” que ficariam excelentes, mesmo porque a trilha no geral é ótima.

          Aguardo com entusiasmo esse álbum, considerando que essas trilhas contém alguns dos melhores temas de Uematsu. Meu único receio é que o arranjador Hiroyuki Nakayama acabe tornando complexas demais peças que podem ser apreciadas em arranjos simples mas bem trabalhados. E depois do excelente Concerto para Piano do Symphonic Odysseys, fiquei com mais vontade ainda de um arranjo para piano solo da “Boundless Ocean” :)

          • 6 Alexei Barros 29/12/2011 às 10:18 am

            Isso de as músicas do Sakimoto não serem tão melódicas confere, porque deve ter dificultado a inclusão do jogo nos concertos da série. As duas que você citou também são valiosas. Quanto ao jogo em si, temos o Final Fantasy XII: Revenant Wings. Mesmo que um RTS para portátil, é uma continuação que muitos episódios mais famosos não tiveram, como o FFVIII e o FFIX.

            Apesar da pompa que implica o “Piano Opera”, eu imagino que os arranjos não vão ser excessivamente complexos, até mesmo pelas faixas preservarem os títulos originais. Nos álbuns de Kingdom Hearts, os nomes já davam um indício de que haveria um rebusque maior, como o “Concert Paraphrase”, os movimentos e tudo mais. Espero por um disco no nível dos Pia-Com, que curti bastante.

            Tenho forte suspeita de que o Uematsu sugeriu a “Boundless Ocean” por ter gostado do que ouviu no Symphonic Odysseys. Não é (ou não era) uma música tão famosa.

    • 7 clefbits (@clefbits) 29/12/2011 às 7:26 pm

      Particularmente, sou um grande fã da trilha de FFXII. Tenho a trilha sonora, acho extremamente bem-feita e achei curioso o fato deles não terem lançado um Piano Collections.

      De fato, é muito diferente das trilhas anteriores da série. Talvez a escolha do compositor tenha sido uma tentativa de “ocidentalizar” mais o som de FF, mesmo que o compositor seja japonês e ainda tenha um estilo bem mais melódico do que a maioria dos compositores ocidentais.

      Mas, analisar música dessa maneira quase sempre cai no risco da subjetividade. Por isso, até evito me prolongar no comentário sobre a estética.

      Não sei se a mudança de compositor pode ser um motivo para não lançar o Piano Collections. FXIII Piano Collections foi lançado e temos uma “nova cara”, que é o Hamauzu.

      Já o clássico Uematsu fez a trilha do XIV e também não temos o Piano Collections, correto?

      Felizmente, sempre tem um fã talentoso que resolve fazer as suas próprias versões das músicas em piano. Mas, concordo que faz falta um lançamento oficial.

  2. 8 Felipe 29/12/2011 às 3:19 pm

    Alexei, não costumo colecionar trilhas sonoras mas sou apaixonado por arranjos, então qualquer recomendação é sempre bem-vinda! O Casey Ormond fez realmente um belo trabalho, fico na torcida pra que essa parceria com o Sakimoto não termine nesse disco.

    Aproveitando que foi mencionada a Concert Paraphrase, uma curiosidade: o começo dela me lembra bastante o início do segundo Concerto para piano de Rachmaninoff!

    • 9 Radical Dreamer 29/12/2011 às 5:42 pm

      Interessante a comparação. A música de games que sempre me traz Rachmaninoff à mente é o arranjo de “Aria di Mezzo Carattere” do álbum Grand Finale. O começo é praticamente idêntico ao do início do segundo movimento do segundo concerto para piano.

      • 10 Felipe 29/12/2011 às 6:16 pm

        Não tinha reparado nessa. De fato, o começo é idêntico! Dei uma olhada no VGMdb e pelo visto não são os mesmos arranjadores. Parece que os japoneses gostam bastante de Rachmaninoff.

  3. 11 Alexei Barros 31/12/2011 às 1:04 pm

    @ Marcelo

    Se não me engano, eu me lembro de ter lido há alguns anos um lance que o Sakimoto se envolveu para participar de jogos ocidentais. Não deve ter dado em nada (precisava pesquisar melhor).

    No caso do FFXII, acho que a escolha do Sakimoto se deveu mais pela proximidade do Yasumi Matsuno mesmo, por ser uma parceria que já vinha de longa data (Tactics Ogre, FF Tactics, Vagrant Story etc.). Mas é bem isso que você falou: ainda tem muito mais melodia do que costuma haver nos trabalhos ocidentais.

    O Hamauzu de fato foi uma cara nova no FFXIII por ser um trabalho solo, mas seis músicas da Piano Collections FFX são dele, além de todos os arranjos. Porém, outro exemplo que dá para pegar é a Piano Collection FFX-2, que não tem nem Uematsu e nem Hamauzu envolvidos, o que lança mais dúvida sobre a inexistência da Piano Collections FFXII.

    Quanto ao FFXIV… para mim, está tudo meio esquisito. Acho estranho a Square Enix nem sequer ter lançado a OST completa ainda…

    @ Felipe

    No começo, eu tinha uma propensão a gostar mais dos arranjos mesmo, mas hoje escuto muitas trilhas originais também (mesmo as antigas, apesar de não ser com tanta frequência). Chato é que a maioria das pessoas não conhece os álbuns com os arranjos e se limita, quando muito, a ouvir as versões dos jogos.

    @ Felipe / Radical Dreamer

    Nem sabia dessa! Isso de referências me lembrou que o Jonne Valtonen e o Roger Wanamo fizeram várias referências a compositores eruditos nos arranjos do Symphonic Fantasies também.

    • 12 Felipe 03/01/2012 às 3:05 pm

      A do Mahler eu tinha reparado também, embora não fizesse idéia do tipo de acorde (meus conhecimentos musicais não chegam a tanto!), mas não me parece assim tão deslocado na suíte, como o cara lá afirmou.

  4. 13 Marcelo 07/01/2012 às 12:33 am

    Magician’s Tower. \o/

    Também compartilho da mesma opinião, Alexei. Essa música deve ser a minha segunda preferida de Final Fantasy II, perdendo apenas pra essa, que até hoje não teve uma versão arranjada. Queria que ela tivesse o mesmo tratamento da Main Theme, que sempre recebeu vários arranjos (o da web site da versão PSP era lindo, pena que a Square-Enix está em uma caça à bruxa pra retirar suas músicas do Youtube. Não consegui achar):

    • 14 Alexei Barros 07/01/2012 às 10:54 pm

      Feliz de saber que você também curte essas duas, Marcelo – sempre me surpreende ver alguém comentar qualquer música que seja do FFII.

      Eu não lembrava da versão de PSP, mas ouvi aqui a “Magician’s Tower”. Ficou bem interessante, parecendo ser tocada por um cravo.

      Costumo citar o Symphonic Suit Final Fantasy e como um álbum/concerto exemplar, mas me dá uma dor no coração perceber que o CD tem 39 minutos e o tanto de músicas boas dos dois primeiros FF tinham para serem arranjadas. Porque, à medida que os anos foram passado, inevitavelmente os antigos foram negligenciados. Naquela época, não.


  1. 1 Coletânea Piano Opera Final Fantasy IV/V/VI confirmada; vídeo-teaser e samples das 13 faixas do Piano Opera Final Fantasy I/II/III « Hadouken Trackback em 24/02/2012 às 5:08 am

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: