Press Start 2010: requentado com requinte


Por Alexei Barros

Para comemorar cinco edições da série anual de concertos fundada por Shogo Sakai, Nobuo Uematsu, Masahiro Sakurai, Kazushige Nojima e Taizo Takemoto, o Press Start 2010 ~Symphony of Games~ aconteceu dia 11 de setembro (pela primeira vez em um sábado e não em um domingo) em duas apresentações no Tokyo Metropolitan Art Space, mesmo palco do ano passado, com grande parte dos números já conhecidos.

Ainda assim, com apenas quatro segmentos inéditos e o restante requentado, conseguiu superar as minhas baixas expectativas por conta de algumas novidades interessantes que consegui filtrar dos blogs nipônicos. Keiko Washino foi a anfitriã do espetáculo executado pela Kanagawa Philharmonic Orchestra. Mais sobre os convidados e surpresas após o Hadouken.

Ato I

01 – Chrono Trigger / Chrono Cross: “A Premonition” ~ “Chrono Trigger” ~ “Wind Scene” ~ “Frog’s Theme” ~ “Decisive Battle with Magus” ~ “Epilogue ~ To Beloved Friends” ~ “Frozen Flame” ~ “Marbule: Home” ~ “Scars of Time” (2008; atualizado)
02 – New Super Mario Bros. Wii Medley (inédito)
03 – NES Medley (2009)
04 – ICO: “ICO -You were there-” (2006)
05 – The Legend of Zelda: “Main Theme” (inédito)
06 – Metal Gear Solid: Peace Walker: “Heaven’s Divide” (inédito)
07 – Mega Man 2 Medley: “Title”~“Woodman Stage” ~ “Airman Stage” ~ “Stage Clear” ~ “Crashman Stage” ~ “Stage Clear” ~ “Get the Weapon” ~ “Dr. Wily 1 Stage” (2008)

Ato II

08 – Wild Arms Medley: “Wild Arms 2nd Ignition” Medley (Intro) ~ “Battle vs Lord Blazer” (Wild Arms 2) ~ “Into the Wilderness” (Wild Arms) ~ “First Ignition” (Wild Arms 2) (2008)
09 – Namco Medley 2010 (2006; atualizado)
10 – Muramasa: The Demon Blade: “Introduction” ~ “Impermanence” (inédito)
11 – Rhythm Heaven: “Ninja” (2009)
12 – Final Fantasy X: “At Zanarkand” (2009)
13 – Mother 2010: “Pollyanna (I Believe In You)” ~ “Bein’ Friends” ~ “Eight Melodies” (inédito)
14 – [Bis] LocoRoco: “LocoRoco’s Song ~LocoRoco Yellow Version~” (2007)
15 – [Bis] Trio the M01 Live: “Flight” (Xenogears) ~ “World Revolution” (Chrono Trigger) ~ “Four Demon Nobles Battle 1” (Romancing SaGa 3) (inédito)
16 – [Bis] Romancing SaGa: “Overture” ~ “Opening Title” (2006)

– Meu descaso em relação a Crono se dava pelo fato de ser a reprise de um arranjo superado em todos os aspectos pelo “Fantasy III: Chrono Trigger/ Chrono Cross”. Mas de maneira surpreendente foi alterada a seleção de faixas. Para você não se perder, coloco as duas seleções aí embaixo:

2008:
“Epilogue ~ To Beloved Friends” (Chrono Trigger)
“Chrono Trigger” (Chrono Trigger)
“Frog’s Theme” (Chrono Trigger)
“Decisive Battle with Magus” (Chrono Trigger)
“Radical Dreamers” (Chrono Cross)
“To Far Away Times” (Chrono Trigger)
“The Scars of Time” (Chrono Cross)

2010:
“A Premonition” (Chrono Trigger)
“Chrono Trigger” (Chrono Trigger)
“Wind Scene” (Chrono Trigger)
“Frog’s Theme” (Chrono Trigger)
“Decisive Battle with Magus” (Chrono Trigger)
“Epilogue ~ To Beloved Friends” (Chrono Trigger)
“Frozen Flame” (Chrono Cross)
“Marbule: Home” (Chrono Cross)
“Scars of Time” (Chrono Cross)

Em suma, os dois temas de encerramento “Radical Dreamers” e “To Far Away Times” deram lugar ao quarteto “A Premonition”, “Wind Scene”, “Frozen Flame” e “Marbule: Home”. Coincidentemente, as três últimas não foram escolhidas no Symphonic Fantasies. “Wind Scene” até então era exclusiva do “Chrono Trigger Medley ~Orchestra Version~” (Chrono Trigger Orchestra Extra Soundtrack). As outras duas do Cross, que exprimem a vertente celta da trilha, são a maior surpresa e responsáveis por ficar curioso se um dia o medley surgir em CD. Isso que daria para mencionar mais umas 15 faixas do Cross que mereciam ser orquestradas. No entanto, o fato de as músicas do Trigger e Cross estarem separadas mostram que o arranjador (em 2008 foi o Keiichi Oku) não conseguiu interpolar os temas dos dois jogos como Jonne Valtonen e Roger Wanamo fizeram tão bem.

– À primeira vista, também não me empolguei com New Super Mario Bros. Wii, como a trilha é formada, em sua maioria, por releituras de temas de outros Marios, ainda mais quando se já tem Super Mario Galaxy 2, que deve estar reservado para 2011. Foi um medley, mas como não há o álbum da trilha original, não consegui compreender exatamente quais foram tocadas. A performance foi bastante elogiada. O coral de crianças Suginami Junior Chorus participou não só para cantar o “Wa! Wa!” do tema principal das fases, originária do New Super Mario Bros. de DS, como também para levantar as mãos em coreografia. Haruo Kubota ainda simulou os sons de moeda na guitarra. Koji Kondo foi chamado ao palco no final da performance juntamente com outra pessoa que os radares alexianos, mesmo com auxílio santaniano, não foram capazes de descobrir.

– Nenhum jogo novo no NES Medley comparado com ano passado no segmento interativo: quem reconhecesse a melodia era convidado a bater palmas de acordo com o ritmo das melodias. Aparentemente foi usada a mesma formação para as duas apresentações mesclando os títulos, a saber:

– Super Mario Bros (Tarde e Noite)
– Ghosts ‘n Goblins (Tarde)
– Milon’s Secret Castle (Tarde)
– Metal Gear (Tarde)
– Fire Emblem: Path of Radiance (Noite)
– Yie Ar Kung-Fu (Noite)
– Atlantis no Nazo (Tarde)
– Nazo no Murasamejou (Noite)
– Shin Onigashima (Tarde)
– Dr. Mario: “Fever” (Noite)
– Castlevania (Noite)
– The Legend of Zelda (Tarde e Noite)
– Disk System Theme (Tarde e Noite)

– Yuzo Koshiro esteve presente! E apareceu no palco para contar melhor a história sobre o arranjo da “Overworld” de Zelda para o Super Smash Bros. Brawl com o Masahiro Sakurai. Aparentemente, Koshirão entregou uma versão de três minutos por engano, já que a música deveria ter dois minutos, tempo máximo de duração das músicas das contendas. Então foi obrigado a fazer uma nova versão que é a “Main Theme” com pinceladas de John Williams que entrou para o jogo (no link do Goear o tema repete uma vez, por isso não estranhe o contador ir a pouco mais de quatro minutos). No caso do Press Start 2010 parece que foi finalmente executado o arranjo de três minutos outrora descartado.

– Esperava que o “Namco Arcade Medley” tivesse mudanças muito drásticas para justificar o 2010 no título. Apenas uma trinca de títulos de peso foi adicionada no final: Pac-Man, Dig Dug e Valkyrie no Densetsu. Como que não tinha Pac-Man antes? Dig Dug é muito bem-vindo. Mas faltou Rally-X.

– Pole Position 2
– Gaplus
– Thunder Ceptor
– The Tower of Druaga
– Dragon Buster
– Genpei Toumaden
– Metro Cross
– Mappy
– Libble Rabble
– Sky Kid
– Pac-Man
– Dig Dug
– Valkyrie no Densetsu

– Hitoshi Sakimoto não poderia perder o ensejo de ver ao vivo uma das raras vezes em que suas composições são executadas por um concerto, com Muramasa: The Demon Blade. Fora essa vez só lembro do pró-amador Symphony Final Fantasy Tactics. Como não poderia ser diferente, a orquestra foi acompanhada pelo shamisen de Takemi Hirohara e pelo shakuhachi do Kohei Matsumoto.

– O Suginami Junior Chorus e a cantora-mirim Melody Chubak participaram do segmento de Mother inspirado pelo arranjo da “Eight Melodies” do álbum lançado em 1989. Antes ainda vieram “Pollyanna (I Believe In You)” e “Bein’ Friends”, duas composições do Keiichi Suzuki. Deve ter sido uma beleza de performance que tem certo ineditismo. Mother, o primeirão de Famicom que não chegou a ser lançado oficialmente nos EUA, não teve no Orchestral Game Concert e no Dairantou Smash Brothers DX Orchestra Concert. De fato, só veio a aparecer em concertos no Press Start 2006 no “Mother Medley”, junto com faixas do restante da série.

– No entremeio do bis ocorreu uma performance inusitada do Trio the M01, outrora intitulado Trio the DS-10, formado por Michio Okamiya, Nobuyoshi Sano e Yasunori Mitsuda, que trajavam ternos amarelo, verde e laranja, respectivamente. Trata-se de um software para DS desenvolvido pela Korg, que os músicos devem reconhecê-la por ser uma das mais renomadas fabricantes de teclados do mundo. No caso o Korg M01 é o sucessor do DS-10, e é utilizado para criação de músicas. As três faixas que eles reproduziram nos portáteis deveriam ser orquestradas isso sim.

– Ainda sobre as atrações especiais, a performance da “Heaven’s Divide” com a polivalente cantora australiana Donna Burke foi citada como uma das melhores no site do Famitsu.

– ICO (com a Melody Chubak), Mega Man 2, Wild Arms (com o assobio de Akihiro Hayakawa) e LocoRoco (com Melody Chubak e o Suginami Junior Chorus) foram executados com os mesmos arranjos do passado. A desculpa do aniversário para repetir os segmentos aparenta certo comodismo, mas o fato de receberem um capricho adicional nas reprises pode indicar a presença em um segundo e, por que não, provável CD.


Altamente grato pelo Fabão pelo link do report e por muitos detalhes de tradução.

[via Famitsu]

10 Responses to “Press Start 2010: requentado com requinte”


  1. 1 Manolo delgado 30/09/2010 às 7:42 pm

    esse de games virou blog de musica….

    • 2 DGC 30/09/2010 às 10:31 pm

      O principal motivo pelo qual tenho o Hadouken em meu favoritos e o acessar periodicamente é justamente ser O “blog de música” de games.

      heheh

      Go, Go Alexei!!!

      • 3 Alexei Barros 01/10/2010 às 12:44 am

        Hahaha! Valeu, DGC!

        Confesso que não entendo o asco que muitos jogadores têm com game music e os posts seguidos sobre o tema, visto que de forma alguma tenho a pretensão de falar tudo o que acontece no meio. Além disso, parece que uma hora o blog era sobre política e do nada comecei a falar de culinária…

        Enfim, divago…

  2. 4 Wesley Pires 01/10/2010 às 3:14 pm

    Digo o mesmo que o DGC, o Hadouken virou a principal referência quanto à game music, tanto é que os posts do Alexei são referêncial para mim quando resolvo tentar falar de game music.
    Sabe, fiquei surpreso ao ver Heavens Divine aì na playlist, quer dizer que a Donna Burke ta ganhando uma certa notoriedade no cenário. Prova disso é a musica que ela tambem canta em God Eater, que eu esqueci o nome, mas que é algo lindo de se ouvir.

    Sem querer suar como merchan, mas tu disse uma vez que eu soufanboy de FF, e realmente sou,neste podcast musical de games eu participei dando um pitaco e falando das musicas de Final Fantasy I, II, III e IV. Caso se interesse:

    http://meialuax.com/podcasts/gametrack/gametrack-015-%e2%80%93-final-fantasy-1-4-parte-i

    Ah, e eu sou dorgado assim mesmo =P.

    • 5 Alexei Barros 01/10/2010 às 8:11 pm

      Valeu pelos comentários também, Wesley!

      Com certeza, e a Donna Burke já cantou vários temas de games (comentei mais sobre ela neste post). A música do God Eater que você se refere é a “God and Man Vocal Ver.”. Mas creio que a minha favorita dela é outra do Go Shiina, a “hotarubi” do Tales of Legendia que é mais tranquila.

      Valeu pela dica do podcast, terminei de ouvir agora pouco. Só achei que vocês podiam falar mais das músicas do que dos jogos, ainda mais como Final Fantasy é uma série conhecida. Todavia, não sei se a ideia era justamente apresentar para quem não conhece.

      Disse que você era fanboy de Final Fantasy, mas não encare como algo pejorativo. Também sou, embora ande meio desatualizado. =P

      • 6 Wesley Pires 06/10/2010 às 1:24 pm

        Hehehe valeu pelo feedback. Realmente a idéia fi mais apresentar o jogo mesmo, não daria tempo de falar só da OST dos jogos.
        E tá de boa, não levo o termo fanboy de maneira pejorativa, sou mesmo e com orgulho =D.

  3. 7 kirawim 25/07/2011 às 12:36 am

    Olá galera, sou novo aqui, mas sou antigo em um dos jogos mais divertidos da ongame o “HeroOnline” não sei se todos
    já ouviram falar, mas estou divulgando para que todos possam entrar e conhecer este Game acessem o site e baixem o Cliente:

    http://hero.ongame.com.br/download/client.php?men=1

    vou deixar um vídeo só para vocês terem uma idéia de como é o Game, vejam outros vídeos se intereçarem também, meu nick name no jogo é “kiradaisho” te vejo lá!!!


  1. 1 Tweets that mention Press Start 2010: requentado com requinte « Hadouken -- Topsy.com Trackback em 30/09/2010 às 6:42 pm
  2. 2 Quase game music: seleção de cinco músicas orquestradas com guitarra « Hadouken Trackback em 22/10/2010 às 2:22 am
  3. 3 Escalpe Hadouken 2010 « Hadouken Trackback em 31/12/2010 às 1:11 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: