Entrevista com Yoshinori Ono sobre a trilha sonora de Street Fighter IV

yoshinoriono

Por Equipe Hadouken

A proximidade é mais do que patente. Há tanta informação, vídeo, brinquedo e outras coisas de Street Fighter IV por aí que parece que o jogo já saiu – de tanto ver alguns vídeos parece que efetivamente já joguei.

Todavia, ainda pairam dúvidas sobre alguns aspectos do game, mais especificamente sobre a trilha sonora, que afligem grão-maestro Barros, tenor Santana e violinista Figueras.

Conseguimos trocar algumas breves idéias com Yoshinori Ono (o cara do rap de SF III: Third Strike e também produtor de SF IV) para tirar algumas dúvidas. Nem todas foram sanadas, mas estamos trabalhando nisso. Se tudo der certo, logo menos uma segunda parte para esta entrevista.

Hadouken: Depois que a Yoko Shimomura saiu da Capcom em 1993, tornando-se freelancer em 2002 após passagem pela Square, ela nunca mais se envolveu em algum jogo da produtora. Apesar disso, a Shimomura está envolvida de alguma forma em Street Fighter IV? Ou outro compositor antigo, como Isao Abe (responsável pela música do Sagat)?  Afinal, a maior fonte de inspiração é SFII, incluindo as músicas. Os fãs com certeza ficariam felizes com essa confirmação.

Yoshinori Ono: Infelizmente, a Srta. Shimomura não se envolveu com Street Fighter IV. Felizmente, porém, tivemos a chance de pedir ajuda ao Sr. Abe. Fomos sortudos o bastante a ponto de conseguir fazer com que ele ouvisse toda a trilha e desse conselhos específicos para as releituras de músicas de SF II. Usamos esses conselhos para refinar ainda mais nosso trabalho e agradar aos fãs. Estamos muito confiantes de que os fãs da trilha original de SF II ficarão felizes com as composições novas de SF IV e as releituras de faixas clássicas.

street-fighter-ivHadouken: As cutscenes exibidas nos trailers de SFIV mostram que há músicas orquestradas de temas clássicos do SFII. A Capcom usou uma orquestra real para a trilha sonora como em Resident Evil 5 ou são apenas faixas sintetizadas em alta qualidade?

Ono: Não usamos uma orquestra real para gravar as músicas. Apesar de termos usado uma para músicas da série Onimusha, decidimos usar apenas tecnologia de ponta para criar os ritmos e composições e assim trazer uma aura vibrante a Street Fighter IV. Nossa idéia é instigar o espírito lutador e a mente de cada jogador. Estamos muito ansiosos para ver a reação dos fãs a este experimento.

Hadouken: A edição especial do jogo vem com um CD de trilha sonora. Vocês planejam lançar em lojas oficialmente a OST do game?

Ono: Atualmente estamos no processo de fechar detalhes de produtos com a equipe de merchandising. Quando o momento chegar daremos mais detalhes sobre isso.

Hadouken: Há planos de lançar uma versão arranjada da trilha sonora?

Ono: Realmente, na época de SF II foram feitos muitos arranjos (…que nostálgico!). O produtor musical de SF IV, Sr. Hideki Fukasawa, foi da geração SF II e ajudou no processo de remixagem de alguns arranjos. Enfim, estamos definitivamente interessados na idéia de lançar uma OST arranjada.

street_fighter_iv_104

Hadouken: After Yoko Shimomura left Capcom in 1993, becoming a freelancer in 2002 after working for Square Enix, she never again worked in a Capcom game. Nevertheless, is Shimomura involved somehow in Street Fighter IV? Or any other old composer, such as Isao Abe? After all, the biggest font of inspiration for SF IV is Street Fighter II, including the music. The fans would surely appreciate a confirmation like that.

Ono: Unfortunately, Ms. Shimomura didn’t get involved in SFIV. Fortunately however, we did have a chance to consult with Mr. Abe. We were lucky enough to have him listen to the music and receive feedback specifically on the remake of the SFII music. We took that advice to refine the soundtrack and bring the final product to the fans. I’m pretty confident that original SFII music fans will enjoy the IV music and remake of the SFII soundtrack.

Hadouken: The cutscenes in Street Fighter IV trailers demonstrate that there orchestrated pieces of some classic SF II music themes. Did Capcom really use an orchestra for the game’s soundtrack like in Resident Evil 5? Or are these symphonic pieces just synthesized in high quality? 

Ono: We didn’t use a live orchestra band for this title.

Though we used an orchestra for some music in the Onimusha series for its dynamic sound, we chose to rely on the newest technologies for the rhythm and composition in order to bring out the vibrant aura and speed of Street Fighter IV, to stir up the fighting spirit in the players’ mind.

I’m very anxious to hear what our fans think of this experiment!

Hadouken: The special edition of the game in its home versions includes a soundtrack CD. Do you also plan on officially releasing the OST for sale in regular stores?

Ono: Currently, we’ve been working closely with merchandizing staff to finalize the release details. I’m looking forward to providing you with more detail when time comes. 

Hadouken: Are there any plans of releasing an arranged version of the OST?

Ono: That’s right, there were numerous remixes back in the SFII time (… nostalgic!). The music producer for the new tile, Mr. Hideki Fukawasa, was one of the SFII generation who were involved in the remix arrangement.  We are definitely interested in the idea of OST arranged version!

15 Responses to “Entrevista com Yoshinori Ono sobre a trilha sonora de Street Fighter IV”


  1. 1 Alexei Barros 22/01/2009 às 9:02 pm

    Realmente uma pena que a Yoko Shimomura não se envolveu, mas é um alento saber da participação do Isao Abe – para mim, totalmente inesperada, porque não vejo mais o nome dele figurando em jogos da Capcom.

    Curiosa também a revelação da ausência da orquestra… Jurava que aqueles arranjos sinfônicos eram interpretados por instrumentos reais.

  2. 2 Lucas Patricio 22/01/2009 às 9:04 pm

    MEUUU que phoda!!! Parabens, hadoukeiros, essa entrevista me deixou babando!! Muito legal o Ono ter respondido as perguntas e dado essa entrevista para vocês. Caraca, sensacional mesmo :D

  3. 3 Khronny 22/01/2009 às 9:08 pm

    Eu nunca tinha prestado atenção nas músicas do Street Fighter até jogar o SSFIIHDREMIX. E meu, babei completamente! O único motivo pra eu ficar apanhando que nem besta do T. Hawk (é, eu tenho uma certa dificuldade com esse em específico ¬¬) é ficar ouvindo aquela música fodástica da fase dele!

  4. 4 Lucas Patricio 22/01/2009 às 9:10 pm

    Khronny : Sério? Puxa, eu não curti muito a trilha do Street HD. Achei meio “apagada”… Sei lá..

  5. 5 Fabão 22/01/2009 às 9:17 pm

    (Queixo caído no chão até agora) o.O
    Informações exclusivas mundialmente! Parabéns, de pé! \o/
    Que tal publicar em inglês também para divulgar mais as informações tão preciosas para os entusiastas? ^^

  6. 6 Claudio Prandoni 22/01/2009 às 9:31 pm

    @Fabão
    Valeu pela dica, mestre! Estava me perguntado ao grão-Barros se não soaria meio arrogante, mas de fato não tem nada a ver.

    Enfim, agora também em inglês!

  7. 7 geraldofigueras 22/01/2009 às 9:59 pm

    Poxa gurizada, meus mais sinceros parabéns. Como costumo dizer, uma grande entrevista passa sempre pelas perguntas inteligentes, e foi o caso desta.

    Maestro Barros, eu tinha certeza absoluta que aquelas versões eram com uma orquestra. Como eu não erro, estou para dizer que o senhor Ono está mal informado heheeheh

    E eu também apanho feio do T. Hawk.

  8. 8 Bruna Torres 22/01/2009 às 10:06 pm

    Caraamba! Que moral hein!? Meus parabéns mesmo! Muito massa! Ainda tenho que dar uma escutada na trilha com carinho! Mas deixo aqui minhas congratulações! E claro, um dia vocês podem ser que nem as Girls of War! Muahahahahah!

    Brincadeirinhha!

    =D

  9. 9 Wesley Pires 22/01/2009 às 10:54 pm

    Muito bom. Caras assim, que sempre tem opinião a dar sobre suas criações são excepcionais para nós, que usamos os games como fonte de informação para nossos respectivos blogs. Excelente matéria, jovens.

  10. 10 Wilerson 23/01/2009 às 5:44 am

    Soundtrack arranjada! \o/

  11. 11 marques 23/01/2009 às 10:15 am

    Parabens toda galera do hadouken por esse entrevista, ajudaram muitos fãns a tirarem suas dúvidas sobre a parte sonora

  12. 12 fezones 23/01/2009 às 10:54 am

    Entrevistas internacionais, oloko! Esse blog já foi mais humilde xD

    Congratulações mestres hadoukeiros!

  13. 13 Pablo Raphael 23/01/2009 às 6:35 pm

    FODA, FODA, FODA. Sou fã de vocês, com força.

  14. 14 ThunderX 25/04/2009 às 6:31 am

    Ola pessoal, tenho 28 anos sou de 1980, e terei o orgulho de jogar o Street fighter IV, comprei um Pc power mesmo e dois controles muito bons pra isso. Sou da era Street Fighter e isso é muito bom, finalmente essa geração nova vai conhecer e sentir o mesmo que eu senti quando tinha meus 12 anos. Tenho a esperança que aos poucos seja resgatada a verdadeira essencia dos games perdida a muito tempo. Lutadores vamos dar o feedback que o povo da capcom precisa, Round One FIGHT!!!


  1. 1 O compositor de Street Fighter IV é… « Hadouken Trackback em 12/02/2009 às 12:16 am

Deixe uma resposta para Wesley Pires Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej

%d blogueiros gostam disto: