Press Start 2008: a nostalgia de Final Fantasy IX

Por Alexei Barros

Pense comigo: se fosse escolher apenas um jogo da série Final Fantasy para uma música no Press Start 2008 qual seria a lógica? FFIV por causa do remake para DS, talvez. Ou então FFXIII, devido ao frisson causado pela perda de exclusividade do PS3. FFXII, por ser o mais novo (2006) capítulo da saga principal. Mais óbvio: o popularíssimo FFVII, para comemorar o êxito do revival, em especial de Crisis Core. Melhor ainda: FFVI, a fim de celebrar a versão (quase) definitiva de “The Dream Oath ‘Maria and Draco'”, “Darkness and Starlight”, no The Black Mages III ~Darkness and Starlight~. Nada disso: FFIX. FFIX?

Pela primeira vez, o Press Start tocará Final Fantasy com prévio anúncio. Em 2006, “Final Fantasy Main Theme” foi executada de surpresa, sem estar no programa, assim como “Advent One-Winged Angel” (FFVII: Advent Children) em 2007. O mais óbvio seria que Nobuo Uematsu escrevesse o post, uma vez que é o autor. A trilha de FFIX é a maior já feita por ele, com 110 faixas, e possui a peculiaridade de ter sido composta no Havaí, distante da balbúrdia de Tóquio. Na verdade, a revelação foi escrita por Kazushige Nojima, que, diferentemente de FFVII, VIII, X e X-2, não participou da criação do roteiro do FFIX.

Menciona a dúvida recorrente: quem cantará o tema de Final Fantasy? Depois, dedica a maior parte do post à Emiko Shiratori, e diz que, quando a conheceu pela primeira vez, não sabia se conseguiria se apresentar devidamente porque estava nervoso. Espera conversar direito desta vez. Também cita a sua participação no duo Toi et Moi com Sumio Akutagawa e o fato de ela ter cantado o tema de abertura das Olímpiadas de Inverno de Sapporo em 1972, quando Nojima possuía oito anos.

Imagina-se então que “Melodies of Life ~ Final Fantasy” , cantada por Shiratori, seja a escolhida. Na companhia da “The Place I’ll Return to Someday”, a canção foi arranjada por Shiro Hamaguchi para a apresentação 20020220 – music from Final Fantasy, e reprisada no More Friends (foi mal, Fabão) e no VOICES.

Tomara que, apesar disso, o segmento inclua outras músicas, quem sabe “Vama’alla Flamenco” (já orquestrada no 200020220) ou “Secret Library – Daguerreo”. E mesmo sabendo que não vai combinar, sonho com “Hunter Chance” (relida pelos Black Mages) e “Messenger Of Destruction” (inexplicavelmente esquecida pelos BM) ao menos para um pingo de ousadia.

Se o meu prognóstico estiver correto, falta apenas uma música para fechar o set list, e espero que a última não seja não tão manjada – só faltava ser “Eyes on Me” do FFVIII. O concerto acontece no próximo domingo, dia 14 de setembro.

Olimpicamente agradecido ao Fabão pela tradução.

[via PRESS START]

Set list até o momento:

01 – Wild Arms
02 – Super Mario Galaxy
03 – Monster Hunter
04 – Spelunker
05 – Touch! Generations Medley
06 – Samurai Shodown
07 – Uematsu’s Early Years Medley
08 – Ace Attorney
09 – Baten Kaitos
10 – Mega Man 2
11 – Professor Layton
12 – Ys

Anúncios

13 Responses to “Press Start 2008: a nostalgia de Final Fantasy IX”


  1. 1 geraldofigueras 08/09/2008 às 3:48 pm

    Já virou hábito, mas digo novamente: grande reforço para o PS. Já estou contando os dias para escutar o concerto. No mínimo, algo memorável.

    Fiquei com vontade de jogar FFIX.

  2. 2 Alexei Barros 08/09/2008 às 4:14 pm

    Ainda preciso terminar o FFIX… :(

    Não deixa de ser um belo reforço, Geraldo, mas… Eu esperava algo muito mais ousado. De Final Fantasy e do Nobuo Uematsu mesmo, tem tantas pouco ou nunca aproveitadas, que até já me cansei de mencioná-las, como “Clash on the Big Bridge” (FFV) e “Ending Theme” (FFVI) etc.

    E eu estou contando os dias para o concerto há uns dois meses. :D

    Ah, imagino que a última atualização deva acontecer na sexta ou no sábado, um dia antes do concerto (!). Será que finalmente teremos Street Fighter II? O SFIV foi lançado há pouco…

  3. 3 Igor 08/09/2008 às 9:44 pm

    Eu pessoalmente adoro a trilha e o jogo em si, o único Final Fantasy que zerei, confesso (não contando os dois Tactics, que acabei também). Acharia ótimo aquela versão de The Place I’ll Return Someday + Melody of Life, apesar de meio batida. Mas, na verdade, o que quero mesmo é a belíssima Loss of Me.

  4. 4 Alexei Barros 08/09/2008 às 9:56 pm

    Não mencionei no texto, mas o Fabão me alertou da versão celta “The Place I’ll Return to Someday (instrumental)” do Final Fantasy Song Book [mahoroba], muito boa também.

    A “Loss of Me” também é conhecida como “Rose of May”, né Igor? Belíssima – e eu achando que a “Zanarkand” do FFX era a primeira só no piano do Nobuo Uematsu…

  5. 5 Igor 11/09/2008 às 12:13 am

    Exatamente essa, Alexei. Engraçado, não tenho a trilha do FF IX aqui no PC, mas sempre tinha ouvido falar dessa como Loss of Me, Rose of May é o nome verdadeiro?

    Gostei muito dessa versão de Place I’ll Return to Someday, até porque aprecio bastante de música tradicional celta. Mas talvez ela seja meio curta para um concerto… Aliás, eu comecei a estudar piano há um tempinho (um ou dois meses) e essa foi a primeira música do Uematsu que me aventurei a tocar, obviamente só o que fiz foi estragá-la hehehe.

  6. 6 Alexei Barros 11/09/2008 às 12:56 am

    Mais provável é que sejam as variações de tradução mesmo. O VGMdb, por exemplo, lista como “Rose of May”. Enfim, sabemos que é a segunda faixa do terceiro CD. :D

    De fato, é bem curta, e imaginava a música na companhia da “Melodies of Life”, que inclusive foi 100% confirmada na seção do set list no site. Por isso, creio que vão tocar somente essa canção e mais nenhuma do FFIX… :(

    Interessante você ter começado por essa e não pela “Zanarkand”, que acredito ser a mais famosa música gamística no piano, hehe.

  7. 7 Fabão 11/09/2008 às 11:12 am

    @Igor/Alexei
    “Loss of Me” com certeza é um equívoco de tradução. O nome original, em katakana, é “ローズ・オブ・メイ”, ou seja, “Roozu obu Mei”. Os japoneses, seguem muito a pronúncia das palavras originais ao transcreverem-nas para katakana, portanto, o correto mesmo é “Rose of May”. Se tivesse que ser “Loss of Me”, teria sido transcrito como “ロス・オブ・ミー”, ou “Rosu obu Mii”.

  8. 8 Alexei Barros 11/09/2008 às 11:24 am

    Tá explicado! Como sempre, uma aula.


  1. 1 Press Start 2008: a cronologia de Chrono Trigger & Cross « Hadouken Trackback em 14/09/2008 às 10:16 pm
  2. 2 Press Start 2008: a velocidade de Sonic the Hedgehog « Hadouken Trackback em 15/09/2008 às 10:31 am
  3. 3 A expectativa por Press Start 2008 « Hadouken Trackback em 13/06/2009 às 11:29 am
  4. 4 O concerto restrito, parte dois « Hadouken Trackback em 14/06/2009 às 3:39 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: