“Liberi Fatali” – Final Fantasy VIII (Beginning of Fantasy)

Por Alexei Barros

Coloco o vídeo nem tanto por causa da música, manjada toda vida, mas devido à grandiloqüência da orquestra e coral. Beginning of Fantasy, uma apresentação exclusiva da série Final Fantasy que aconteceu na Indonésia. Nobuo Uematsu até foi convidado, porém não compareceu. Questiono, com todo o respeito aos indonesianos: se eles podem ter um concerto desse porte, por que o Brasil não pode? E quando tiver, se tiver, por favor que não seja um repertório tão desgastado como esse, mais batido do que andar para frente – até quando vai ignorar o FFXII?

01 – “Liberi Fatali” (FF VIII)
02 – MC Introduction [Melissa Karim]
03 – “Melodies of Life” (FF IX) [Arina Ephipania]
04 – “Terra’s Theme” (FF VI)
05 – “Eyes on Me” (FF VIII) [Arina Ephipania]
06 – “Behind the Door” (FF IX)
07 – “Tifa’s Theme” (FF VII Piano Solo) [Jessica Gunawan]
08 – “Suteki da ne” (FF X) [Sherina]
09 – “Aerith’s Theme” (FF VII)
10 – “Tatakau Monotachi” (FF VII AC Piano) [Kevin Aprilio]
11 – “Chocobo” (Brass Section Quintet)
12 – “Cloud Smiles” (FF VII AC)
13 – “1000 no Kotoba” (FF X-2) [Sherina]
14 – “J-E-N-O-V-A” (FF VII AC) [Wasabi]
15 – “Divinity I” (FF VII AC)
16 – “Final Fantasy” (FF Theme)
17 – “Advent One-Winged Angel” (FF VII AC) [Wasabi]

25 Responses to ““Liberi Fatali” – Final Fantasy VIII (Beginning of Fantasy)”


  1. 1 Pablo Raphael 17/04/2008 às 1:34 am

    Realmente, o repertório é manjado. Mas tem uns clássicos que se vc fizer um concerto com Final ou Fantasy no nome, tem que ter. Senão te apedrejam na saida.

    E concordo com vc, Prandoni.. pq não toca FF XII ?

  2. 2 Alexei Barros 17/04/2008 às 2:07 am

    Rá, Pablo! Eu não sou o Prandoni (aliás, estou anos-luz de sua genialidade), mas creio que tenho a resposta, apesar de sempre fazer a mesma pergunta.

    Quais foram os últimos concertos de FF? Dear Friends, More Friends, Voices e Distant Worlds. Em todos esses o maestro Arnie Roth esteve envolvido, na regência e até mesmo na produção, como nessa turnê mais recente, sendo que ele mantém proximidade forte com o Nobuo Uematsu. A única canção tocada em concertos do FFXII, foi no Voices, justamente a “Kiss Me Good-Bye”, do Uematsu.

    Como você deve saber, a trilha do FFXII é majoritariamente do Hitoshi Sakimoto e, por não ter relação direta com ele (uma mera suposição minha), teremos de ouvir sempre as mesmas músicas antigas eternamente. Ainda há faixas do Hayato Matsuo e do Masaharu Iwata, dois companheiros do Sakimoto, e o Yuji Toriyama e o Taro Hakase que fizeram a Symphonic Poem “Hope”.

    Para comprovar a minha conjectura, o A Night in Fantasia já tocou algumas músicas do FFXII. Por quê? Porque o Sakimoto tem afinidade tão grande com a Orquestra Eminence que até ela participou de certos trabalhos dele.

  3. 3 Claudio Prandoni 17/04/2008 às 2:13 am

    Justiça seja feita: eu jamais terei a eloqüência e repertório de conhecimento musical que este texto transpira. Por isso que o crédito pelas críticas e questionamentos são devidos ao maestro Alexei Barros.

    Porém, pra não passar em branco, eu expando a questão: por que não tmabém músicas do Crisis Core, como o “Theme of CRISIS CORE” – de preferências nas versões “Dreams and Pride”, “Under the Apple Tree” ou até “With Pride” ou “To a New Post”. Estas duas últimas possuem violinos, ficariam fantásticas numa orquestra.

    Se fosse pra jogar mais seguro, taca logo o medley “Fulfilled Desire”, do Kazuhiko Toyama, que tem excertos dos principais temas de FFVII concatenados de maneira maravilhosa.

  4. 4 Alexei Barros 17/04/2008 às 2:18 am

    ahhaaaaaa!!

    Opa, opa… Faixas do Crisis Core? Mais um “Músicas que não podem faltar no VGL”… A “Fullfilled Desire” até já havia separado.:D

  5. 5 Pablo Raphael 17/04/2008 às 8:43 am

    isso que dá fazer comentários qdo devia estar dormindo… mal ai Alexei…

  6. 6 Alexei Barros 17/04/2008 às 9:00 am

    Haha! Magina, nada mais foi do que um elogio.

  7. 7 Claudio Prandoni 17/04/2008 às 10:25 am

    “Haha! Magina, nada mais foi do que um elogio.”

    Isso que dá fazer comentários quando devia estar sóbrio.

    Tem que ver isso aí, hein, Alexei…

  8. 8 Alexei Barros 17/04/2008 às 11:16 am

    OBJECTION!

    “Como o senhor se atreve a por em dúvida a honradez de um vendedor de balões profissional? De um autêntico representante do folclore nacional?? Pois saiba, Claudio Prandoni, que você se arrisca a ser acusado por danos a propriedade da nação!!!”

    Sou abstêmio. Já sei o que aconteceu. Deve ter sido a overdose de Coca-Cola… A mesma que atacou o Patrício, Lucas…

    Pablo, mais uma vez obrigado pelo elogio.

  9. 9 geraldofigueras 17/04/2008 às 11:53 am

    Eu, particularmente, sinto falta de mais músicas de batalha no repertório. Sou fã de Enemy Attack e Crisis do FFX (pra não falar do tema de batalha do VII, principalmente no arranjo em piano). Cortaria todas as vocais.

  10. 10 Alexei Barros 17/04/2008 às 12:48 pm

    Geraldo, você tocou em um ponto muito interessante: as músicas de batalha. Sou fã da “Don’t Be Afraid” e da “The Man With The Machine Gun”, ambas do FFVIII, em versão sinfônica.

    Você falou do tema de combate do FFVII. Pelo que sei a única vez em que ela foi orquestrada é nesse medley do Crisis Core citado pelo Prandoni, “Fullfilled Desire”.

    Meu sonho é ouvir a “Clash on the Big Bridge” do FFV orquestrada.

  11. 11 Claudio Prandoni 17/04/2008 às 1:06 pm

    “Meu sonho é ouvir a “Clash on the Big Bridge” do FFV orquestrada.”

    Demorou, mestre!

    Aliás, o FF V é muito underrated em comparação com o restante da série, não?

  12. 12 Alexei Barros 17/04/2008 às 1:12 pm

    UOOOOOO!!!!

    O que chegou mais próximo da versão orquestrada da “Clash on the Big Bridge” é o arranjo do Hitoshi Sakimoto para o FFXII. Só que ainda assim a música está sintetizada.

  13. 13 Claudio Prandoni 17/04/2008 às 1:15 pm

    E como você bem comentou, não deixa de ser um arranjo já. Se fosse orquestrado seria um arranjo (sintetizado) de um arranjo (de música sintetizada). Vixe…

    Acho que nada melhor do que se inspirar na obra original.

  14. 14 Alexei Barros 17/04/2008 às 1:22 pm

    Exatamente. Mas eu ainda estou para ver o Shiro Hamaguchi, principal orquestrador da série, tecer a sua versão da “Clash on the Big Bridge”.

    Por falar nisso, onde está o Shiro Hamaguchi? Ele precisa fazer novos arranjos…

  15. 15 Igor 17/04/2008 às 2:01 pm

    A gente reclama – com razão – do repertório, mas se tivesse isso aqui eu iria com certeza. =p

  16. 16 Claudio Prandoni 17/04/2008 às 2:14 pm

    Heuheuheu
    Somos dois, Igor.

    E com certeza o Alexei iria – nem que fosse pra falar mal!
    :D

  17. 17 Alexei Barros 17/04/2008 às 2:41 pm

    Sem dúvidas!

    Para falar a verdade, se o primeiro concerto de FF no Brasil tivesse o repertório batido como o supracitado, eu não teria objeções, já que contaria muito o fator novidade.

    Mas já na segunda. Na terceira vez…

  18. 18 geraldofigueras 17/04/2008 às 4:20 pm

    Do jeito que as coisas são em Porto Alegre, se o Nolan Bushnell viesse pra cá e ligasse um Atari 2600 em umas caixas amplificadas, eu já acharia o evento do ano.

  19. 19 Alexei Barros 17/04/2008 às 4:55 pm

    HAHAHAUHAUH!!! Fantástico!

    Por isso que o VGL ainda é o evento do ano!:D

  20. 20 Pablo Raphael 17/04/2008 às 5:11 pm

    E o proximo VGL? Ja tem data? Cidades confirmadas? Rumores?

    De repente esse ano eu vou em SP ou em Brasilia..

  21. 21 Alexei Barros 17/04/2008 às 5:20 pm

    Foi anunciado pelo Tommy Tallarico no final do VGL 2007, mas ainda não há confirmação. No site oficial, por exemplo, ainda nem constam as possíveis cidades brasileiras. Mas acho que deve aparecer alguma coisa no segundo semestre, Pablo.

    Seria mancada não ter. Poxa, agora que o VGL toca Metroid eu quero ver ao vivo…:D

  22. 22 geraldofigueras 17/04/2008 às 7:38 pm

    Nos dois anos de VGL eu tive compromissos inadiáveis no dia das apresentações, tanto Rio como SP. Brasília é muito longe, não dava pra ir. Espero que esse ano eu tenha mais sorte, quero muito ver.


  1. 1 “Those Who Fight” – FFVII: Advent Children (Beginning of Fantasy) « Hadouken Trackback em 15/11/2008 às 6:08 pm
  2. 2 “Fighting (Piano Version)” – Final Fantasy VII Advent Children (Beginning of Fantasy) « Hadouken Trackback em 28/08/2009 às 6:04 pm
  3. 3 Game music em um concerto de música erudita, de graça, no Brasil « Hadouken Trackback em 14/10/2011 às 3:20 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr

%d blogueiros gostam disto: