Controle do GC renasce por causa do Wii

Por Claudio Prandoni

Veja só você. Lá atrás, em 2004, quando finalmente adquiri meu GameCube após anos juntando grana de mesada e coisas do tipo, amarguei a segregação social gamer.

Colegas da faculdade faziam chacota de mim (“Vai jogar o que nisso? Twin Snakes? REmake? Eternal Darkness e Metroid Prime?”), os companheiros de futebol na praia me olhavam torto (“Como assim seu videogame não é um PlayStation?”) e coisas assim. Enquanto o mundo se divertia com GTA, Shadow of Colossus, Halo e Half-Life 2 eu ficava enfurnado em Zelda Wind Waker, Mario Sunshine e Smash Bros. Melee.

Depois fiquei sabendo que mestre Sira enfrentou a mesma batalha. Ambos empunhando o incompreendido controle do GC, uma evolução do N64, um aparato que, se olhado com carinho, oferecia uma das melhores experiências de manuseio de um jogo eletrônico de todos os tempos – não me venham falar do controle do Dreamcast…

Ninguém sacava qual era daquele botão A gigante, o analógico amarelo ou o desconfortável Z (ok, ele é grotesco mesmo). Eis que a tal tranqueira faz seu retorno triunfal.

A Nintendo anunciou que ainda neste mês de abril colocará à venda no Japão (e por enquanto só no Japão) uma edição especial do controle GC com um cabo de 3 metros e na cor branca – a mesma do Wii, Wiimote, DS Lite…

O preço é uma pechincha: 2 mil ienes, ou quase 20 dólares. Vai vir bem a calhar para quem tem Brawl e não passou pelo cursinho do Melee, atender os fãs hardcore de Mario Kart na nova iteração da franquia ou simplesmente ajudar quem procura por um controle de GC pra usar em outros jogos que permitem ou experimentar as tranqueiras clássicas do cubo.

Alguém me dá de presente?

15 Responses to “Controle do GC renasce por causa do Wii”


  1. 1 Lucas Patricio 09/04/2008 às 4:42 pm

    Hell Yeah! Tava até demorando né. Eu só imaginei que a Nintendo desse uma escondida no logo “gamecube” no controle. Quem sabe até por “retrocompatibli with Wii” no lugar. Naah…

    Não curtia muito o controle do Cube até jogar de fato nele, e gostei muito. Apesar do Z ser mto grotesco mesmo (só para reforçar, hehe), eu curto o layout dos botões. Uma reclamação: os shoulders após um tempo de uso perdem o amortecimento e forçam demais os dedos >.<

    Ok, só para não ficar sem reclamar mesmo XD

  2. 2 Igor 09/04/2008 às 5:00 pm

    Quando comprei o Wii, tive que “emprestar” um controle de GC de um amigo. Hoje em dia tá foda de achar pra comprar por bons preços, se isso acontecesse nos EUA viria bem a calhar.

  3. 3 TG Aoshi 09/04/2008 às 6:46 pm

    Nunca tive um GC ou conheci alguém próximo que tivesse um, mas ele tem um dos melhores joysticks que eu já usei!

    Hehehe… Mesmo com a nova geração aí, ainda tenho muita vontade de jogar os games do GC…..

  4. 4 Claudio Prandoni 09/04/2008 às 7:04 pm

    Obrigado, TG Aoshi, muito obrigado por engrossar o mingüado grupo do qual participo que acredita que o controle do GC é um dos melhores já feitos.

    Eu já acho o do N64 muito bom e já que o do GC é evolução natural dele acaba sendo ótimo também. Reforçando, o maior pecado mesmo é aquele botão Z.

    Quantos aos games, a relação é grande mesmo, tanto que é curioso ver a galera que pulou o Cubo mas aderiu ao Wii agora buscando clássicos do caixotinho. Um reconhecimento tardio, porém mais do que justo.

  5. 5 Samir 09/04/2008 às 7:10 pm

    Sou um cara mais Playstation, mas lembro do prazer de pagar menos de $100 do meu GameCube versão especial Pokémon XD
    Apesar deu quase não jogar o pokémon em si (deixei isso pro meu irmão), é claro que eu tive que comprar e fechar os clássicos Remakes de Resident Evil I e Metal Gear Solid: The Twin Snakes
    Nesses daí que eu percebi que eu realmente gostava do controle do GameCube, tirando a parte do cursor digital que não me acostumei muito… Mas ainda deixo o controle de Playstation no topo da minha lista

  6. 6 geraldofigueras 09/04/2008 às 7:19 pm

    Venho dizendo há anos, o controle do Cubo é das melhores coisas já feitas. Ele não é perfeito, e não somente pelo Z louco ou pelo direcional digital tamanho mirim (se bem não existe mais um direcional digital decente desde o falecido Sega Saturn). Apesar da ergonomia absurda, tem jogos que não foram feitos pra ele. Jogar Wingi Elévi nele é um parto, tenho que dar o braço a torcer.

  7. 7 Claudio Prandoni 09/04/2008 às 7:29 pm

    Bem lembrado, Geraldo.

    Jogos de luta seguem o mesmo triste caminho, principalmente os 2D, como aquele ultrajante Capcom vs. SNK 2 EO, que tinha golpes especiais mapeados no analógico amarelo.

    Mas vou te falar: tem que jogos que não consigo imaginar num Dual Shock ou controle de Xbox 360, como Metroid Prime e Super Mario Sunshine. Ah, e te falar que achei que Metal Gear no controle do GC é infinitamente mais prático e intuitivo que no Dual Shock.

    Mas além de nintendista pareço ter uma veia cubista, vai saber…

  8. 8 Fabio Bracht 09/04/2008 às 8:20 pm

    NOSSA, DO WANT!!!

    O fio do controle original de Cube é ridículo de curto. E esse branquinho… hm, muito foda!

  9. 9 Fabio Bracht 09/04/2008 às 8:22 pm

    E sim, o controle do GC é muito mais foda que o DualShock. Tá, muito mais não. Um pouco mais.

  10. 10 Lucas Patricio 09/04/2008 às 9:12 pm

    Só um detalhe: tinha que ser wireless né :P

  11. 11 TG Aoshi 09/04/2008 às 10:26 pm

    @ Claudio Prandoni

    Haha! Bom, pra falar a verdade eu nem sabia que o joy do GC é tão mal falado assim… =p
    Mas de todos os que já usei, acho q ele é o mais confortável. Quanto ao “Z”, eu nunca achei ruim, só acho o layout um pouco confuso, mas (creio que) é questão de costume. Se bem que pra certo tipos de jogos, acho que o layout do SNES e DualShock, ainda é mto mais versátil que o do Cubo.

    Gosto tbm do DualShock, do joy do N64, … Mas ao invés de falar quais são bons acho mais fácil falar dos horríveis…:
    – X Box – Já não bastava o console ser gigante… Eu juro que fiquei com caimbras quando usei aquilo!
    – Dreamcast – Eu não sei o pq, mas não vou nem um pouco com a cara daquele… =p

  12. 12 Claudio Prandoni 09/04/2008 às 10:38 pm

    @TG Aoshi
    As pessoas compreendem mal o Z do controle do Cubo e já tacham ele de tosco, é muito triste.

    Focando nos controles horríveis, o primeirão de Xbox me dá a impressão de ter sido feito às pressas de tão pouco prático que ele é. Não bastasse ser gigantesco, o direcional digital é impreciso e os botões preto e branco são totalmente inacessíveis.

    O do Dreamcast é um caso especial. Conheço muita gente que acha ele o melhor de todos os tempos. Eu acho uma fraude. Veja os motivos:
    – Direcional digital escorregadio e desconfortável
    – Alavanca analógica imprecisa (parece solta)
    – Aquele inexplicável fio saindo por baixo e fazendo vincos. Tem até um espaço na parte superior pra prender o fio: por que ele não sai direto dali?
    – Um buraco gigantesco pra colocar dois VMUs (pra que dois?) que mais serve pra acumular poeira
    – Gatilhos L e R imprecisos

    E por aí vai…

    Voltando ao cubo, pra melhorar só acho que a disposição dos botões A, B, X e Y deveria ser mais parecida com a do SNES.

  13. 13 Samuel Batista 09/04/2008 às 10:40 pm

    Eu acho que o controle do Cube só vacilou mesmo no Z que as vezes ficava difícil de localizar e no D-pad miudinho que afugentou jogos de luta 2D :(

    No mais eu adorava a ergonomia do controle, passei uma vez a tarde inteira jogando mario kart dd sem nem cansar nem nada! Era levinho e encaixava direitinho na mão!

    Se eu tivesse um Wii eu dava um jeito de trazer um desses branquinho!

    PS: Na minha opinião o controle do PS2 é de longe o pior em termos de ergonomia e design (não me digam que ele é bonito pois não é, você que se acostumou!)

  14. 14 Uehara 10/04/2008 às 3:36 am

    Caramba, graças a Deus eu tenho um WaveBird!

    Logo que comprei o Wii, fui atrás de um controle de Cube porque sabia que ia preferir jogar Brawl com o controle que já estava acostumado. Eu nem sabia que existia controle de Cube sem fio, então quando a mulher da loja me ofereceu, nem pensei duas vezes. E uns dois meses depois disso, anunciam o fim dos WaveBirds. Pura sorte!

    Mas eu quero um desses aí também. É difícil achar um sem fio hoje em dia, e eu tenho um controle normal de Cube. É meio ruim jogar com a cara colada na tela, sentado no chão, todo torto, enquanto outras três pessoas estão a uma distância segura dos raios radioativos da TV, sentados confortavelmente em seus sofás macios…

  15. 15 André Sirangelo 10/04/2008 às 1:04 pm

    Espera… cabo? CABO?
    Caramba, graças a Deus eu tenho um WaveBird (2)!!! hauahuia

    (*orgulho do meu Cube e se ser outsider*)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




RSS

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej

%d blogueiros gostam disto: