Posts Tagged 'Keita Egusa'

“Okami” – Okami (Press Start 2009 ~Symphony of Games~)

Por Alexei Barros

A série de concertos Press Start, que desde a sua concepção em 2006 é uma das minhas preferidas, sempre sofreu com a falta de lançamentos oficiais das performances. Essa queixa em parte foi resolvida com a coletânea Press Start The 5th Anniversary, publicada em 2010. Por mais que fosse um álbum curto e com mixagem cheia de reverberação, era um registro, sem contar os CDs promocionais com uma faixa ou outra (do Professor Layton, Mario e Muramasa). Em vídeo? Absolutamente nada. Zero. O máximo que deu para ver eram vídeos amadores da edição chinesa em 2008, mas, apesar de contar com os mesmos arranjos do original japonês, a performance foi muito pobre, parecendo até que era uma orquestra amadora a contratada.

Até que, enfim, seis anos depois, surge o vídeo do medley de Okami no Press Start 2009; vídeo oficial, com várias câmeras e tudo mais. Verdade que, na parte musical, não há muita novidade, como o segmento arranjado por Shuhei Kamimura esteve no Press Start The 5th Anniversary. Porém, a gravação permite ter uma ideia melhor de toda a magnitude da Tokyo City Philharmonic Orchestra. Com a regência do maestro Taizo Takemoto, o número conta ainda com as intervenções tocantes do duo Hide-Hide, com Hideki Ishigaki no shamisen e Hideki Onoue no hakuhachi. Tais artistas no palco do Tokyo Metropolitan Art Space nos conduzem aos tempos do Japão feudal, uma sensação que também aconteceu com o arranjo do Muramasa. Com uma performance soberana do naipe de cordas (gigantesco!), o ponto alto é mesmo a rendição da “Reset” ~”Thank You” Version~, em versão instrumental da canção “Reset”. Como disse milhares de vezes, orquestrar temas J-pop nunca dão errado.

Aproveitando o ensejo (e o futuro relançamento em HD de Okami na PSN), também foi anunciado o álbum Okami Goju no Onchou para o dia 31 de outubro, embora não esteja claro do que se trata exatamente.

- “Okami”
“The Beginning” ~ “Ryoshima Plains II” ~ “Reset” ~”Thank You” Version~

Press Start The 5th Anniversary: desfalcado, reverberado e abrupto


Por Alexei Barros

Arranjos exclusivos, fartura de jogos nipônicos, seleções obscuras… são alguns motivos para mostrar tanta admiração pela série de concertos Press Start, que conta com apresentações desde 2006 no Japão. A cada ano lamentava pela inexistência de CDs e DVDs, o que significava que as performances se perderiam no tempo e no espaço, exceto pelas gravações da plateia que surgiram em 2006 e 2007, sendo que de 2008 em diante não passou do terreno da imaginação.

Então o impossível aconteceu: em agosto foi anunciada a compilação comemorativa de aniversário Press Start The 5th Anniversary, à venda em 11 de setembro, dia da realização do Press Start 2010. Apesar de celebrar o quinto aniversário, o álbum mescla seleções de somente duas apresentações: do Press Start 2008, com a Kanagawa Philharmonic Orchestra no Bunkamura Orchard Hall, e do Press Start 2009, com a Tokyo City Philharmonic Orchestra no Tokyo Metropolitan Art Space. Sempre que um produto muito aguardado finalmente é lançado, vem a inevitável pergunta: a espera valeu a pena? Respondo de cara: não. O que leva a outro questionamento: “você ficava elogiando toda hora e agora vem dizer que não é tão bom assim?”. Calma.

À primeira vista chateia a pouca quantidade de faixas para uma coletânea: nove, em um total de 50 minutos – para efeitos de comparação, o Video Games Live: Level 2 e o Play! A Video Game Symphony Live estão entupidos até a boca, com 74 minutos. Ou seja, sobraram 24 minutos de CD. Se fossem segmentos de seis minutos, caberiam mais quatro faixas. Imagino a substância que trariam Out Run, Castlevania, Mega Man 2 e Wild Arms. Isso até daria para relevar.

O principal problema do álbum é a equalização equivocada, que conta com muita reverberação (valeu, 00Agent!), prejudicando a nitidez dos instrumentos, a ponto de parecer que a orquestra está muito mais longe do que verdadeiramente está. Fora isso, não existe a profundidade sonora que torna as performances orquestradas tão especiais. Ainda que gravado ao vivo, é inaceitável para um CD como ambas as apresentações aconteceram em salas de concerto, onde a arquitetura privilegia a acústica. Seria covardia comparar com o Symphonic Fantasies, um exemplo de perfeição entre os concertos de games. Para pegar um caso mais próximo, japonês, cotejo com o Monster Hunter 5th Anniversary Orchestra Concert ~Hunting Music Festival~, que, inclusive, aconteceu no Tokyo Metropolitan Art Space, o mesmo local do Press Start 2009, e viceja uma qualidade invejável de produção. Mais desanimador é que a reverberação exagerada persiste no Super Mario Bros. 25th Anniversary Special Sound Track Press Start Edition, que ainda farei um post específico.

Segundo, os arranjos não são tão bons quanto deveriam. As transições que reclamo tanto são irregulares em vários números do álbum. Não que sejam ruins, é que o Kazuhiko Toyama e o Nobuyuki Nakamura definitivamente não estão entre os melhores arranjadores do mundo. Falta polimento em muitas passagens e percepção de como encadear as músicas em um medley. Às vezes parece que as faixas e a sequência são pré-definidas por alguém e eles têm que se virar com isso, no momento em que mudanças e cortes poderiam ser feitos para o bem dos arranjos.

Mesmo assim, a track list foge do padrão do que se costuma ouvir nos concertos ocidentais. Importante ressaltar que o disco não representa a totalidade da experiência, como não há nada da Square Enix e da Nintendo. Depois do Hadouken minhas pútridas impressões do álbum que, mesmo com os já mencionados contratempos, tem os seus momentos.

Continue lendo ‘Press Start The 5th Anniversary: desfalcado, reverberado e abrupto’

Piano retrô, parte dois

Por Alexei Barros

Falei aqui somente uma vez do álbum Pia-Com I, mas é um disco muito interessante de arranjos no piano que saiu ano passado. São arranjos mesmo, não interpretações literais, como as do Martin Leung ou das que volta e meia publico, como da  Lydia Hime ou Yuki Matsuri. A faixa inicial, “Elevator Action”, dá uma ideia do que quero dizer. É de autoria do Keita Egusa, que chegou a participar do Press Start 2009.

Desde que foi concebido, o projeto não tinha a intenção de ficar com apenas um CD, e já teremos o Pia-Com II para o dia 22 de setembro de 2010 por meros 1500 ienes (cerca de 30 reais, sem taxas e impostos). A publicação é da Dog Ear Records do Nobuo Uematsu, com número de catálogo DERP-10006.

Se no primeiro todos os arranjos e execução eram do próprio Egusa, agora ele está acompanhado de mais duas pessoas: Hiroyuki “Chopin” Nakayama, arranjador de Blue Dragon e Lost Odyssey e um dos instrumentistas das duas coletâneas no piano de Kingdom Hearts, e Masato Kouda, ex-Capcom, compositor de jogos como Monster Hunter e Devil May Cry.

O álbum traz três músicas a mais que o predecessor, em um total de dez. A seleção está bastante interessante, porque temos a estreia de jogos da Capcom, nada menos do que Commando e Ghosts ‘n Goblins, Sega, com Fantasy Zone – imagina só no que vai dar –, e até Falcom com um medley de Legacy of the Wizard (Dragon Slayer IV no Japão), sendo que a trilha é do Yuzo Koshiro e da Mieko Ishikawa, só isso. Já a Konami, que fora homenageada com Yie Ar Kung-Fu e Salamander no primeiro, neste se faz representada por Castlevania e Ganbare Goemon! Karakuri Douchuu (o segundo da série). O tema de abertura do Wizardry que conheci pelo Orchestral Game Concert 1, é um espetáculo de composição do falecido Kentaro Haneda. Não me canso de mais uma vez Final Fantasy, como no primeiro teve a “Main Theme” do FFII. Digo isso porque existem apenas coletâneas de piano da série a partir do FFIV. E como os japoneses gostam de Spelunker!

A track list:

01 – “Spelunker Medley” (Spelunker)
02 – “Start Demo ~ BGM1″ (Commando)
03 – “Opening Theme” (Wizardry)
04 – “Start Demo ~ 1st & 2nd BGM” (Ghosts ‘n Goblins)
05 – “OPA-OPA” (Fantasy Zone)
06 – “Elia, the Maiden of Water” (Final Fantasy III)
07 – “Vampire Killer” (Castlevania)
08 – “Stage 1″(Milon’s Secret Castle)
09 – “Stage 1 BGM” (Ganbare Goemon! Karakuri Douchuu)
10 – “Dragon Slayer IV Medley” (Legacy of the Wizard / Dragon Slayer IV)

O vídeo de revelação abaixo permite apreciar alguns segundos do álbum. Só de ouvir Ghosts ‘n Goblins já arrepia. Também aparecem os pianistas Egusa, Nakayama e Kouda, respectivamente.

Piano retrô, parte um

pia-com I / Piano x Computer GamePor Alexei Barros

O pianista Keita Egusa participou de diversos segmentos do Press Start 2009 (Persona 4, Suikoden, NES Medley, Portal, Tales of Legendia etc.), e reforçou a sua intimidade com game music no miniálbum Pia-Com I, o primeiro de uma série de lançamentos enfocando temas clássicos dos anos 1980. O disco é publicado pela Dog Ear Records de Nobuo Uematsu, com número de catálogo DERP-10005. O que mais me impressionou é que das sete faixas, uma é da Nintendo e outra é da Square Enix, duas empresas que encrespam com os direitos autorais muito mais do que o habitual.

Dia 25 de novembro é a data para chegar às prateleiras por 1500 ienes (cerca de 28 reais), mas a Dog Ear Records publicou um comercial com breves samples de cada música e mais cinco vídeos com performances de Egusa, que também cuidou de todos os arranjos. Faltaram as faixas cinco e seis, respectivamente “Main Theme” (Final Fantasy II) e “Theme of Mappy” (Mappy), que se surgirem posteriormente faço questão de publicar no futuro.

Comercial

01 – “Elevator Action” (Elevator Action)

02 – “Yie Ar Kung-Fu” (Yie Ar Kung-Fu)

03 – “Opening Theme” (Hokkaido Rensa Satsujin ~ Okhotsk ni Kiyu)

04 – “Power of Anger” ~ “Poison of Snake” (Salamander)

07 – “Snowman” (Mother)

[via DERBLOG]


RSS

Twitter

  • RT @FabioSantana79: Composers Special Talk Show poderia perder o “Special” e simplesmente virar um programa semanal! T___T 3 hours ago
  • RT @FabioSantana79: Pelo que entendi, a Shimomura falou que está trabalhando em um título secreto que ainda será anunciado. o.O 3 hours ago
  • RT @FabioSantana79: Os três compositores contando histórias da época da Square. Alguém conclui nos comentários: Shimomura=sakê, Mitsuda=gra… 3 hours ago

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr bannerlateral_consolesonoro bannerlateral_zeebobrasil bannerlateral_snk-neofighters brawlalliance_banner_copy
hadoukeninenglish hadoukenenespanol hadoukenenfrancais hadoukeninitaliano hadoukenindeutscher hadoukenjapones

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.536 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: