Final Symphony: Final Fantasy VI, VII e X em uma nova sinfonia

Por Alexei Barros

Desde o Symphonic Odysseys, discutia-se a possibilidade da realização do concerto nos mesmos moldes que visava à comemoração dos 25 anos da série Final Fantasy que se completarão em dezembro de 2012. Mas, com o anúncio do Symphonic Game Music Concert 2012, que já tem as confirmações de Journey e Turrican II no repertório, acreditei que a ideia seria descartada. E não foi. Em 2013, a mesma equipe capitaneada pelo produtor Thomas Boecker de apresentações como o Symphonic Fantasies vai trabalhar no espetáculo Final Symphony (o nome pode ser alterado).

Ainda sem dia e data definidos, será mais um concerto focado em Final Fantasy. Porém, a principal diferença para a turnê Distant Worlds, que cobre a série toda (com uma má vontade tremenda com o FFXII) selecionando muitas canções pop, é que a récita se enfocará em três episódios em uma abordagem mais erudita: Final Fantasy VI, Final Fantasy VII e Final Fantasy X. Opinião minha, não leve muito a sério: nem acho que o FFX se destaque pela trilha; a meu ver, o sistema de combate é o que sobressai diante da falta de carisma de alguns personagens e os retões com zero de exploração que o jogo possui – por favor, não atire em mim. Musicalmente eu preferiria o FFIV, mas entendo que o FFX seja muito mais popular e assim o concerto pega representantes da série em três gerações. Mas ainda tem um motivo a mais para me empolgar.

O Final Symphony terá três arranjadores e cada um deles se enfocará em um capítulo específico. Roger Wanamo vai cuidar de FFVI, Jonne Valtonen de FFVII e Masashi Hamauzu de FFX. Nobuo Uematsu estará envolvido na consultoria dos arranjos, o que não significa que somente músicas escritas por ele serão executadas. Ou seja, haverá faixas do FFX assinadas pelo Hamauzu no concerto. Desde já, ou melhor, desde sempre, sonho com a assombrosa “Decisive Battle” numa performance no piano do Benyamin Nuss – o jovem alemão inclusive está confirmado. “People of the North Pole”, também do Hamauzu, não seria nada mal.

Com o concerto voltado para três jogos somente, aumentam as chances de aparecerem faixas nunca ou raramente arranjadas dessa trinca. “Searching for Friends”, do FFVI, é uma que acredito ser uma das candidatas, visto que a composição tem aumentado de popularidade, se é que já não era famosa antes, especialmente entre os japoneses. A música ficou em segundo lugar na votação das 700 melhores faixas de games numa eleição entre os nipônicos e recentemente foi inclusa no álbum Piano Opera Final Fantasy IV/V/VI – demorei tanto para escrever um post sobre o CD e já saiu faz tempo; foi mal. Embora a limitação de tempo seja um potencial problema, desejo fortemente a presença da “Ending Theme”, em toda a glória dos seus 21 minutos de duração. E, em relação ao FVII, já chegou a hora de “Cid’s Theme”.

A orquestra escolhida para o Final Symphony ainda não foi anunciada, mas é uma orquestra classe A, com 80 instrumentistas. Vale ressaltar que não haverá uma única apresentação. Ainda que o espetáculo não vire uma turnê gigante, outros países além da Alemanha vão receber o concerto. De qualquer forma, o maestro Eckehard Stier está confirmado na regência.

[ATUALIZAÇÃO] O site oficial do concerto foi inaugurado – ainda é um teaser.

[via SEMO]

About these ads

10 Responses to “Final Symphony: Final Fantasy VI, VII e X em uma nova sinfonia”


  1. 1 Radical Dreamer 29/05/2012 às 9:49 pm

    Uma grande notícia e com certeza mais um concerto para ficar na história. Fiquei especialmente feliz com a presença de Hamauzu, e ainda arranjando suas próprias composições! Concordo com todas as sugestões, provavelmente resultarão em arranjos soberbos. E finalmente o FF VI receberá mais atenção, é possivelmente a melhor trilha da série. O que me deixa na expectativa pelo FF VII são as peças que nunca apareceram em um concerto, como “Cid’s Theme”, “Highwind Takes to the Skies” e “Weapon Raid”. Espero que o foco seja nelas e em outras ótimas, e não nas manjadas como “Aerith’s Theme”, “Bombing Mission” e “One Winged Angel”. Creio que o foco em títulos específicos ajude na melhor exploração dos temas de cada um, ainda que lamente a ausência do FF IV e do FF VIII.

    • 2 Alexei Barros 30/05/2012 às 2:05 am

      Pelo que o Thomas Boecker disse na entrevista ao SEMO, a ideia de focar nos três jogos foi justamente para ensejar a aparição de músicas pouco lembradas nos concertos, e com esses três jogos não tem como errar.

      A “Cid’s Theme” eu nunca tinha dado o merecido apreço antes de você sugerir por ocasião de outro concerto, e o mesmo vale para a “Highwind Takes to the Skies” e “Weapon Raid”, que, até então, mal me lembrava… o.O

      O FFVIII é uma ausência sentida por tanto que poderia ser feito ainda, mas pelo menos é um dos jogos que mais tem arranjos no Distant Worlds e concertos antigos (são sete no total, pelas minhas contas). Já o FFIV, coitado, só tem a “Theme of Love”… o jeito é cruzar os dedos para lançarem o medley executado no Press Start 2011…

  2. 3 DGC 30/05/2012 às 10:05 am

    Você está absolutamente certo quanto ao FFX, maestro. Aliás, não só não se destaca pela trilha, como é um Final Fantasy pífio. O tema de Zanarkand e também a Silence Before the Storm (acredito ser esse o nome da faixa) são, pra mim, o máximo de memorável dali.

    • 4 Alexei Barros 30/05/2012 às 1:24 pm

      Boa lembrança a “Silence Before the Storm”, eu me recordo dela tocando no jogo. Só cuidado com essas declarações que há muitos fãs do jogo por aí e por aqui também, hahaha!

      Além do que comentei no post, não gostei muito dessa temática tribal que permeia todo o jogo e, que me desculpem os aficionados, não acho os personagens muito carismáticos. Já o sistema de combate… simplesmente estupendo!

      • 5 DGC 30/05/2012 às 5:35 pm

        Uahahah! xD
        Agradeço o conselho, mas confesso que eu também já fui um desses fãs da série sabe..? Ao menos quando ainda ia até o 10, eu podia dizer que joguei metade da série.

    • 6 Radical Dreamer 16/06/2012 às 8:54 pm

      Sempre achei uma pena não terem colocado “Silence Before the Storm” na Piano Collections, quem sabe agora o Hamauzu trabalhará com ela.

  3. 7 Marcelo Martins 01/06/2012 às 9:38 am

    Obrigado por compartilhar a notícia e a sua opinião sempre interessante e muito bem fundamentada, Alexei!

    Também não acho a trilha do X tão especial. Porém, a maioria das pessoas compra/gosta de uma determinada trilha não só pelo conteúdo musical, mas pelo carinho pelo jogo em si. Final Fantasy X é realmente um jogo muito popular e concordo com você que talvez esse seja o motivo da escolha.

    Particularmente, acho a trilha do XII muito boa e não entendo a birra do Distant Worlds com esse jogo. Até falamos sobre isso em outro post…

    Por falar em Hamauzu, ele disponibilizou o seu álbum vanguardista Imeruat no SoundCloud:

    Um abraço!

  4. 8 Marcelo 16/06/2012 às 1:12 pm

    Alexei, trago-te a incrível OST de Final Fantasy Dimensions (o antigo Legends de Celular). Está impecável, qualidade invejavel.

    É o Naoshi Mizuta que fez a OST. Por isso que está tão boa.

    Ai está a OST da versão de celular, melhoraram muito para essa revitalização nos Smartphones.

    + dois jogos da SE pra Tablets:

  5. 9 MajoraMan28 09/05/2013 às 7:39 pm

    Alguém sabe como eu consigo assistir a esse show nesse sábado ao vivo??

  6. 10 Alexei Barros 10/05/2013 às 12:25 am

    @ Marcelo

    Caramba, que lapso! Eu acho que tinha marcado para ouvir os vídeos que você recomendou, mas esqueci. Pena que até hoje essa trilha não saiu em CD. O Mizuta manda muito bem mesmo, gosto muito do trabalho dele no Final Fantasy: The 4 Heroes of Light. Belas linhas de baixo nos vídeos que você passou.

    @ MajoraMan28

    O único jeito é estar lá na Alemanha, infelizmente. =(
    Desta vez, não haverá transmissão porque esse concerto não tem a participação da WDR Radio Orchestra, que obrigatoriamente transmite todas as suas apresentações. Não me recordo se a produção disse algo sobre a gravação em CD, mas acho inevitável o lançamento, ainda mais o concerto em Londres, que vai ter a performance da London Symphony Orchestra.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS

Twitter

Procura-se

Categorias

Arquivos

Parceiros

bannerlateral_sfwebsite bannerlateral_gamehall bannerlateral_cej bannerlateral_girlsofwar bannerlateral_gamerbr bannerlateral_consolesonoro bannerlateral_zeebobrasil bannerlateral_snk-neofighters brawlalliance_banner_copy
hadoukeninenglish hadoukenenespanol hadoukenenfrancais hadoukeninitaliano hadoukenindeutscher hadoukenjapones

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.545 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: